Envelhecer com saúde

Por Isaias Costa

Já comentei em outro post que adoro o tema do envelhecimento. Adoro porque quero um dia ser um velhinho também. Mas, para chegar lá, não é preciso só dizer, “quero chegar lá”. Existem muitos pré-requisitos para isso, e quero falar um pouco do que penso e de coisas que todos já sabem, mas que é sempre bom serem repetidas de novo.

Para se chegar à velhice com saúde, a primeira coisa a fazer é cuidar da cabeça. Ela é o centro da nossa vida, o cérebro comanda tudo no nosso corpo. Devemos buscar diariamente o equilíbrio psíquico. Como conseguir isso? Existem muitas formas. Mas a principal chama-se, AMIGOS. Mas não amigos quaisquer, os amigos íntimos. Aqueles que lhe conhecem, que sabem das suas qualidades e dos seus defeitos, que não são aproveitadores e não esperam nada de você. Dividir a vida com os verdadeiros amigos dá a ela um sabor e uma sensação de completude que enchem o coração de alegria.

A alimentação também é extremamente importante. Como é que você quer chegar aos 90 anos de idade comendo 8 kg de carne vermelha por semana? Indo a um rodízio de pizzas ou massas por semana? “Enchendo a cara de birita” toda sexta-feira à noite? Se entupindo de feijoada com muito toicinho? Comendo três pastéis de uma só vez lambuzados de maionese? Almoçar acompanhado com uma bela garrafa de 2 L de coca-cola? Comer toneladas de chocolate ou docinhos para satisfazer a gula? E por aí vai. É simplesmente impossível. Para se chegar aos 90 anos de idade com saúde é preciso sim mudar os hábitos alimentares. Eu já estou procurando desde certo tempo melhorar minha alimentação. Estou caprichando nas verduras, diminui muito a quantidade de sal na comida, estou tomando café amargo, tomando suco com o mínimo de açúcar possível, estou me preparando psicologicamente para nunca aceitar o famoso “bis” da sobremesa (essa é uma das mais difíceis missões alimentares que eu estou enfrentando), entre outras coisas.

Quero ressaltar que a comida mais gostosa e saborosa quase sempre também é a mais prejudicial. Portanto, é um processo de adaptação mudar a alimentação para as comidas mais saudáveis, e essa mudança requer muito sacrifício e determinação. São restrições feitas que darão os resultados a longo prazo na vida e na saúde do corpo como um todo.

O lazer também é fundamental para um envelhecimento saudável. Se você ficar trancafiado dentro de casa e vida inteira, a vida vai passar por você como um sopro do dragão, como diria Renato Russo. E sei que você não quer isso. Todos sabem do benefício à saúde o fato de conhecer lugares novos, novas culturas, novas pessoas. Tudo é muito bom. Mas sabe de outra coisa que decorre de tudo isso, mas não é muito comentada? As histórias de vida que você acumula. Não há nada melhor do que você estar ao lado e um velhinho e escutar as muitas histórias de vida dele. Eu adoro ouvi-los e visualizar as suas experiências. A gente aprende muito com as histórias de vida dos velhinhos. Eu quero ser também assim. Um velhinho cheio de belas histórias de vida para contar, aquele velhinho que fica rodeado de pessoas ao lado olhando fixamente para ouvir minhas histórias. Espero que viva para ver isso acontecer…!

Não posso deixar de falar também sobre o hábito da leitura. Ler é um dos melhores exercícios que alguém que está envelhecendo pode fazer. Já que o corpo não poderá mais correr uma meia maratona, nem passar três horas seguidas jogando futebol ou nadando. Ler faz o cérebro ficar sempre na ativa. Sem contar com os benefícios da diminuição de sua degeneração. Ou seja, as pessoas que leem têm as sinapses cerebrais mais fortes e dificilmente terão problemas de memória ou assimilação de novos conteúdos. É bom demais. Ficar na varanda da casa. No silêncio, com uma leve brisa no rosto e “viajando” no mundo da imaginação.

Esse é um tema muito instigante. Não vou me estender porque o que falei aqui todos já sabem, e só o que não falta é texto falando sobre isso, ou vídeos e programas de TV. Não vou parar só com esse post. Ainda vou escrever um post falando das experiências que só uma pessoa que chega a velhice consegue ter…

* Para ouvir a leitura desse texto basta clicar [aqui]

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s