O monstro siste e a realidade atual

Por Isaias Costa

Estamos vivendo em um mundo mega globalizado. Temos conexão direta com qualquer pessoa no mundo inteiro através da internet. Existem facilidades para quase tudo hoje. O acesso ao conhecimento, a compra pela internet, o financiamento de um carro ou uma casa, etc.

Uma amiguinha que tem muita relevância nessa história toda de globalização chama-se MÍDIA. Ela praticamente comanda os pensamentos e as atitudes de muitas pessoas. O grande problema é que ela se foca para o que a faz ganhar mais dinheiro. Vou explicar um pouco melhor. Trata-se do IBOPE. Quanto mais pessoas assistem TV, mais os que comandam as mídias ganham dinheiro. Eles são espertos, e sabem mexer com a atenção das pessoas. Eles colocam nas suas programações assuntos polêmicos e revoltantes também. Eles fazem isso porque sabem que dá IBOPE. As pessoas gostam de assistir desgraças por muitos motivos: para uns é como uma válvula de escape, a raiva interna é transferida para a desgraça que se passa na TV; para outros é uma forma de ficar esperto e não ser alvo de aproveitadores, bandidos, para outros é uma forma de se manter informado, e por aí vai.

Este é o monstro siste. O nosso querido sistema, que influencia a mente das pessoas de forma muito astuta. Inclusive uma das coisas que o sistema tem feito é introjetar na mente das pessoas que o mundo está um caos total. Que estamos próximos do apocalipse ou que o mundo vai acabar, etc. Mas, sinceramente, não penso dessa forma. O que acontece é que falar de coisas boas não alimenta a mídia e não faz os caras que já são podres de ricos se tornarem ainda mais ricos. É estatístico. Quando se tem notícias boas, falando sobre crescimento humano, superação de limites, a vida em pequenas comunidades e aldeias, a beleza da natureza, entre outros temas, o IBOPE é inferior ao de programas policiais e jornais. Então, porque os caras que comandam tudo vão perder tempo com isso? Eles vão é mais e mais transmitir desgraças. Para lucrarem mais e influenciar mais os pensamentos das pessoas. Eu adoro a frase da música “Até quando” do Gabriel, O Pensador, que diz assim: “A programação existe pra manter você na frente, na frente da TV, que pra te entreter, que é pra você não vê que o programado é você…”. É exatamente assim que acontece. A maioria das pessoas é programada pelo sistema e, por causa dele, perde praticamente toda a esperança da vida. O que não é pra menos. Como é que você espera ter muita esperança se passa o dia inteiro vendo desgraças como assaltos, assassinatos, notícias de estupro, pedofilia, psicopatia, etc? Não dá! O que digo é que eu não faço parte desse grupo que é programado pela mídia. Sabe uma frase que eu escuto quase todo dia? “Não! Eu assisto o cidade 190, o barra pesada, etc, pra me manter informado do que está acontecendo…”. Eu faço é rir dessas histórias! Eu não preciso ver para saber de tudo isso! Eu sei que existem muitas desgraças acontecendo o tempo todo, ou seja, não preciso do famoso “ver para crer”.

Eu não vejo nada do que se orgulhar com uma estatística dessa...

Eu não vejo nada do que se orgulhar com uma estatística dessa…

Diferente do que muitos pensam. O mundo não está uma catástrofe total, não estamos vivendo o apocalipse. Enquanto muitos estão o dia todo na frente da TV vendo notícias de morte, muitos estão dando a sua vida em prol da felicidade de outros. Estão inseridos em grandes projetos sociais, ajudam os necessitados, promovem eventos e destinam verbas para o aprendizado de crianças e adolescentes, escrevem livros, fazem vídeos, promovem eventos culturais, ajudam comunidades carentes com auxílio para moradia, saúde e lazer, etc. Mas essas pessoas não são condecoradas, não aparecem na TV, porque não dá IBOPE. As pessoas se alegram mais com as desgraças do que com isso, infelizmente.

É por isso que tanta gente pensa que estamos vivendo o apocalipse. Não é verdade. Tem muita gente boa trabalhando duro para melhorar o mundo ao redor, mas elas trabalham em silêncio, agindo sem se preocupar em aparecer na mídia.

O mundo não vai acabar em 2012...

O mundo não vai acabar em 2012…

Portanto amigos. Quero com esse texto aumentar a esperança de todos com a mensagem. O mundo é e está melhor do que muitos imaginam, mas resta a cada um de nós fazer sua parte com o bem, para que esse bem de cada um se propague por todas as direções e atinja a sociedade como um todo.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s