É hora de desconectar

Por Isaias Costa

Eu assiste a algum tempo um vídeo bem curtinho, mas sensacional. A sua mensagem é muito bonita e profunda, e hoje quero compartilhá-la fazendo pequenas reflexões a respeito.

Esse vídeo está falando sobre um problema sério da nossa sociedade moderna, o mundo virtual. Muitas pessoas estão perdendo quase que totalmente o prazer pelas pequenas coisas da vida. Eu quero até aproveitar esse post para ser um pouco nostálgico. As crianças do mundo moderno praticamente só querem se divertir se forem entretenimentos do tipo virtual, e muitas vezes chego até a me perguntar: Isso é divertimento mesmo? Muitas crianças estão trocando um belo jogo de futebol, ou um passeio de bicicleta, ou recreações escolares, ou grupos de estudos com amigos etc, por horas na frente do facebook, do videogame, da televisão, do ipad, iphone, tablet, Xbox, e o diabo a quatro de parafernálias eletrônicas que só fazem com que se isolem do mundo e vivam como que numa bolha, sem contato direto com as pessoas. Não estou dizendo que sou um velhinho gagá, sou bem jovem, mas no meu tempo de criança as coisas não eram desse jeito, haviam algumas brincadeiras que tenho certeza absoluta que se perguntasse para as crianças de hoje elas nem fazem ideia do que é, como: barra-bola, sete pecados, romã-romã, telefone sem fio, esconde-esconde, amarelinha etc. Eu brincava dessas coisas e outras mais na minha infância e posso afirmar com todas as letras que ela foi maravilhosa e não me faltou absolutamente nada. Se pudesse voltar no tempo viveria outra infância tal qual a que vivi. Mas deixando de tanta nostalgia… Quero deixar essa reflexão. O que será que estamos colocando como divertimento na vida? Será que não existem muitas outras formas simples e boas de se divertir? Eu acredito piamente que sim. Resta a você também procurar formas interessantes de se divertir que não seja ficar na frente do facebook o dia inteiro.

484707_367288146706982_1678849223_n

Os exemplos desse vídeo são simples e mágicos: um rapaz e sua namorada caminhando na praia, amigos em uma roda tocando violão, duas amigas dividindo o mesmo guarda chuva, uma família dentro do carro indo viajar, uma mulher em uma reunião de escritório e um pai vendo a sua filhinha desenhar no papel. Esse pequenos momentos são os que dão VIDA e CORES aos nossos dias. Não negligenciemos esses momentos maravilhosos para ficar na frente do computador, do celular, ou do ipad, iphone!

http://sabedoriauniversal.wordpress.com/2012/08/03/a-magia-dos-momentos/

Outra coisa que esse mundo virtual está fazendo é superficializar os relacionamentos, e estou falando de relacionamentos no mais profundo da palavra, na família, no trabalho, na escola, na faculdade, nas ruas, e logicamente, nos relacionamentos amorosos. Muitas pessoas estão usando a internet como uma FUGA, e uma fuga que assume diversas facetas, fuga dos pais, da realidade dos fatos, do anonimato, dos relacionamentos profundos, e a pior de todas as fugas, a de si mesmo. O que estou falando aqui é muito sério e deve ser dada a devida atenção. É muito mais fácil você mostrar quem é pelo facebook, lá você pode dizer: sou formado em Medicina em Massachusetts, tenho pós-doutorado em Harvard, falo inglês, francês, italiano, espanhol, húngaro, tenho um porsche, blablabla, e o nariz do Pinóquio só crescendo e crescendo. Depois você vê esse pobre indivíduo na realidade, muitas vezes nem terminou o ensino médio, trabalha em um emprego miserável, não tem amigos íntimos, uma família unida, não sai de casa, não viaja, não se diverte… Eu exagerei um nos exemplos só pra dar ênfase a essa questão, mas acontece algo muito parecido com isso no nosso dia a dia.

Que tal começar a fazer o que esse belo vídeo está ensinando? Desconectar-se da internet e do celular um pouco para se conectar com a VIDA, com as pessoas, com a natureza, com o universo, mas antes de tudo, conectar-se consigo mesmo. O mundo está carente de momentos de reflexão pessoal e interiorização, porque é uma febre e uma verdadeira doença aquela velha história do “tempo é dinheiro”, a sociedade ensina que a cada minuto que você fica parado existe um adversário seu que está passando na sua frente, que vai lhe derrubar, que vai tirar o seu dinheiro, que você não vai ser promovido, que você terá dificuldade para pagar as contas etc, etc. Chega disso minha gente! O nome disso é CULTURA DO MEDO. A sociedade com essa máxima do dinheiro só quer implantar medo na mente das pessoas, não precisamos seguir esse caminho, eu estou seguindo outro caminho e quero lhe convidar a segui-lo junto comigo. Vamos? Vamos viajar na maior espaçonave que existe, na maior máquina do tempo que existe, nas galáxias e universos do nosso EU. Vamos nos conhecer, para que assim possamos conhecer tudo aquilo que está fora! Vamos deixar de viver com tantos medos e encaremos a vida de frente, com todas as suas agruras! Vamos aproveitar tudo aquilo que tem de bom na internet e nos produtos eletrônicos, mas sem esquecer da família, dos amigos, do trabalho, da natureza e do parceiro amoroso (aos que têm). Assim a nossa vida pode se tornar muito melhor e mais feliz…

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “É hora de desconectar

  1. É o que eu penso também. Nós estamos presos a uma tecnologia que ao mesmo tempo que nos fascina, nos aprisiona. Sei como é, dias desses eu fui como uma dessas pessoas. Comprei um notebook novo e desisti de sair, beber, conversar… Fiquei presa em casa ao invés de socializar. E depois eu pensei… Poxa, deveria ter ido, mas fui seduzida. Tenho irmãos menores e sempre digo a eles que viver é pisar na grama descalço, sujar as mãos de terra, correr na chuva. Hoje, parece que vivemos em uma redoma, e eu acho isso muito triste. Tudo está superficial, inclusive, muitas pessoas estão levando o superficial para as esferas mais profundas da vida. É difícil, por exemplo, encontrar alguém que saiba conversar, que vá além do universo das novelas, reality show e notícias do site Ego.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s