Pessoas engessadas

Por Isaias Costa

original_gesso_axilopalmar_(ok)

O gesso é utilizado pela medicina para imobilizar braços e pernas quebradas. Sua função é oferecer um escudo para os membros do corpo que estão fragilizados, a fim de que haja uma recuperação mais eficaz e rápida. O gesso não se restringe apenas a Medicina, ele está presente no comportamento de muitos seres humanos, são as que eu denomino de pessoas engessadas. Quem são elas? São aquelas que conscientemente não se abrem para o novo e só sabem olhar apenas para o seu próprio umbigo.

Aliás, expressei-me mal, são as que têm o que chamo de consciência inconsciente, a palavra consciência é muito forte e rica para associar às pessoas engessadas. Elas não entendem o que é ser flexível e muito menos se abrem para questionamentos. Sendo mais filosófico, são aquelas que pensam que as suas verdades são absolutas e que nenhum outro tipo de verdade pode prevalecer sobre as delas.

Eu vou ser bem sincero. Quando eu me deparo com esse tipo de gente a única coisa que faço é ficar em silêncio. Para que eu vou gastar meu tempo, minhas ideias e energias com alguém que só sabe olhar para o seu umbigo? Eu tenho mais o que fazer, sinto muito…

Sabe o que é oposto de uma pessoa engessada? O Raul Seixas! Vou explicar. Durante toda a sua vida o que ele mais odiava era a mesmice. Ele necessitava experimentar coisas novas e cada vez mais loucas, arriscadas, perigosas, insanas. Duas frases de suas músicas definem bem o que ele era e como pensava: “Eu prefiro ser essa metamorfose ambulante, do que ter aquela velha opinião formada sobre tudo…” e “Aos 11 anos de idade eu já desconfiava da verdade absoluta…”. A cada nova experiência ou fase da vida surgia um novo comportamento, uma nova maneira de ver o mundo. Quem já leu sobre ele sabe que casou 5 vezes e teve três filhas. Acho que isso aconteceu justamente por ele ser essa “metamorfose ambulante”. Penso que suas esposas deveriam imaginar que se casaram com um total estranho, sem uma identidade própria. Mas na realidade era exatamente o contrário! Ele era tão pleno de si mesmo, que a sua AUTENTICIDADE assustava a maior parte das pessoas. Esse era o grande Raul Seixas.

Uma vida plena é uma vida autêntica

Raul-seixas

Tem uma frase maravilhosa do eterno livro O pequeno príncipe que diz assim: “As pessoas são solitárias porque constroem muros ao invés de pontes”. Eu acredito que esta é a frase perfeita para definir as pessoas engessadas. Observe aquelas que fazem parte do seu convívio! Pare agora um pouco e pense nelas… Observe o comportamento das outras pessoas perto delas! Observe a naturalidade ou a confiança depositada nelas! Normalmente as pessoas engessadas só conseguem uma relação de amizade um pouco mais estreita com outras iguais a elas. Eu acho até engraçado isso! Nunca estudei nem fiz uma pesquisa criteriosa sobre esse tema.

Apenas observando bastante consegui chegar a essa conclusão. É meio chocante não acha? Pois é. O que acontece é que essas pessoas são solitárias e muitas vezes nem se dão conta disso, muitas delas vivem como se fossem zumbis sem emoção. A vida vai passando por entre seus dedos como se fosse um vento sem destino. É triste, mas é bem real o que estou dizendo aqui. Inclusive muitas vivem em comunidades com dezenas, centenas de pessoas, e continuam sendo solitárias. Por quê? Porque a solidão não tem nada a ver com estar ou não perto das pessoas.

Solidão e Solitude

Estes indivíduos têm uma enorme dificuldade de compreender a dimensão da amizade, que se trata de uma das palavras mais ricas e desconhecidas da língua portuguesa. Disse no início que eles olham apenas para o seu umbigo, esse egocentrismo é o que atrapalha o florescimento das amizades e o próprio entendimento do que é ser um bom amigo.

Agora vou falar o conceito de pessoa engessada a partir do grande filósofo e escritor francês Charles de Montesquieu. Vamos a ele…

“Pessoas delicadas são aquelas que a cada ideia ou gosto acrescentam várias outras ideias ou gostos acessórios. Enquanto a alma de uma pessoa grosseira não acrescenta nem tira nada daquilo que a natureza oferece. Aqueles que apreciam com gosto as obras do espírito têm uma infinidade de sensações que as demais não conhecem”.

Nossa! Essas frases são quase como uma tapa na cara das pessoas engessadas! Leia mais uma vez! Vale a pena ler de novo!

quadros_museu

O que Montesquieu está falando é sobre se abrir para o novo e contemplar o que é belo. As pessoas engessadas desconhecem essas duas colocações. Por exemplo: uma pessoa delicada vai a uma exposição de quadros de um museu, ela fica deslumbrada com todos aqueles quadros maravilhosos, aí vem uma pessoa grosseira e diz: “Eu não sei o que você vê de tão bonito e deslumbrante nesses quadros…”. Quem ele chama de grosseiras são as pessoas engessadas, que não conseguem apreciar a beleza da arte ou qualquer outro tipo de beleza.

Eu não tenho muito a dizer sobre elas. Tenho vontade de repetir as palavras do mestre Rubem Alves. Em uma de suas crônicas ele também fala dessas pessoas, na qual ele utiliza uma metáfora perfeita, comparando com os piruás, que são os milhos de pipoca que nunca estouram, e o único destino deles é a lata do lixo. Esse foi um dos textos mais geniais que li de sua autoria. O texto completo está nesse link.

A pipoca e o fogo

Enfim. Quero convidar você a ver a importância de ser uma pessoa delicada, como diz o grande Montesquieu. Vamos aprender a ser delicados e espalhar essa delicadeza por todos os lugares que formos…

* Para ouvir a leitura desse texto basta clicar [aqui]

Anúncios

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized

4 Respostas para “Pessoas engessadas

  1. Luís

    Estou cheio de piruás em minha volta, mas é especialmente com estes que aprendemos como NÃO devemos ser, e agir. Portanto, são piruás úteis, porque sem saber, na sua ignorância, nos ensinam, aos avessos. Então, não jogue fora os piruás, mastigue-os, engula-os e faça a digestão, algo se aproveitará, como tudo nesta vida. Abraço.

    • Esse seu comentário me fez lembrar de um dos textos mais geniais do mestre Rubem Alves no qual ele fala sobre a pipoca e o fogo. Nesse texto ele diz que os piruás são as pessoas que recebem muito fogo da vida (as provações) e ainda assim, não viram uma pipoca suculenta, e no final, acabam parando na lata do lixo. Esse é um texto que vou ler até para os meus netos, é muuuuuito bom!
      Deixo aqui o link para você dar uma lida. Com certeza você vai gostar… Abraço!
      https://paralemdoagora.wordpress.com/2013/02/14/a-pipoca-e-o-fogo/

  2. Leilane

    Ri muito ao ler seu texto!
    Super bem humorado e de uma verdade incontestável! Acho que não sou uma pessoa engessada e percebo algo estranho quando me aproximo de gente assim. Hoje busco levar uma vida com mais leveza, afinal ela passa muito rápido pra se perder tempo” engessada”! Rsrs

    • Isso mesmo Leilane! E você percebe essa estranheza exatamente porque é uma pessoa delicada e com alta sensibilidade. É a partir da energia que as pessoas emanam que percebemos quem é engessado e quem não é!
      Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s