A beleza de estar sozinho

Por Isaias Costa

Deus-costuma-usar-a-solidão-para-nos-ensinar-sobre-a-convivência.-Às-vezes-usa-a-raiva-para-que-possamos-compreender-o-infinito-valor-da-paz.Paulo-Coelho1

Há um tempo eu escrevi um texto falando sobre a importância de ser flexível, mas só toquei em pouquíssimos pontos, as ideias do Dalai Lama são muito mais abrangentes do que o que falei no outro texto, aos que ainda não leram segue o link…

Ser flexível

Hoje eu quero tratar da flexibilidade a partir de um tema que é um calo no pé para milhões e milhões de pessoas, a SOLIDÃO. Muitos só de ouvir essa palavra já saem correndo com medo. Será que a solidão é tão ruim assim? Posso afirmar que não, da mesma forma que o meu amigo Dalai Lama também afirma. Mas o que a flexibilidade tem a ver com a solidão? Vou explicar. Para simplificar e ser bem direto, é a questão de se INTROMETER na vida dos outros. A solidão para muitas pessoas é uma questão de escolha pessoal completamente consciente, trata-se de uma solidão que faz parte de seus desejos e ideais mais profundos. Muitas pessoas querem se intrometer na vida de outras que vivem sozinhas, pensando que elas são malucas, ou antissociais, ou egocêntricas, ou psicóticas, psicopatas, e por aí vai. Calma meu amigo! O que leva você a concluir algo tão sério assim do nada? Sem mais nem menos? Simplesmente através de “achismos”? Eu posso afirmar a você que existem muitas pessoas que lidam muito bem com a solidão e que inclusive é o melhor caminho para elas. Foi por isso que falei do Dalai Lama, o que acabei de falar faz parte da sua mística de vida. Eu garanto que se alguém solitário se aproxima dele, ele não fica com “achismos”, tachando a pessoa de mil e um adjetivos sem nexo. O que estou tratando aqui tem uma relação muito grande com a SOLITUDE, que é diferente da SOLIDÃO. Eu expliquei isso com detalhes neste post.

Solidão e Solitude

Você está entendendo aonde quero chegar? O que quero dizer é que devemos ser flexíveis também com esse ponto. Se alguém decide por viver sozinho não é problema seu, vá cuidar dos seus problemas, você já tem problemas demais pra ainda ficar se preocupando com os “problemas” dos outros.

Agora vou falar de outro ponto importantíssimo. Grande parte das pessoas que ficam dizendo: “Fulano de tal é muito solitário…”, são elas próprias as pessoas solitárias, e quando veem outras que conseguem lidar bem com a solidão morrem de inveja e acabam pronunciado essas infelizes palavras. Elas muitas vezes são dominadas por um medo terrível de ficarem sozinhas, como se a solidão fosse algo a ser evitado até a morte. Mas na realidade, a solidão deveria ser uma das nossas melhores amigas. Eu me considero um amigo da solidão. Não moro sozinho, mas convivo muito bem com as situações de isolamento e a principal mensagem que quero lhe deixar hoje é que a solidão é maravilhosa, desde que você saiba qual é o seu objetivo, que é olharmos para dentro de nós mesmos, sem máscaras e sem subterfúgios. Na solidão nós nos mostramos exatamente como somos, e isso assusta muita gente, principalmente aquelas que insistem em se vestir de máscaras e mais máscaras.

Entendendo a solidão

Quero concluir falando de uma pessoa que conheci e adorei sua história. Ela é uma mulher completamente livre e segura de si, muito bonita e incrivelmente talentosa. Essa mulher que estou falando é casada, mora sozinha e seu marido mora sozinho em outra casa. Eles são extremamente felizes, dão de mil a zero em muitos casais que vivem juntos em seus “pseudocasamentos”. Será que ela é maluca? Como talvez muitos venham a pensar? Posso afirmar que não! Ela é uma mulher feliz e livre. Não precisa seguir o que a sociedade quer impor goela abaixo das pessoas. Este é um exemplo maravilhoso para você deixar de pensar que a solidão é algo ruim, muito pelo contrário, ela é uma dádiva, mas só para quem a compreende…

Para continuar refletindo sobre esse tema tão instigante e amplo vou deixar o link com o texto que li falando sobre a solidão e me inspirou a escrever esse post. Vale muito a pena conferir. É um texto excelente…

A sua melhor companhia: você

* Para ouvir a leitura desse texto basta clicar [aqui]

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s