Esteja sempre atento!

Por Isaias Costa

mindfulness1

A nossa vida é permeada o tempo todo pela impermanência, nada permanece imutável. Tanto o sucesso quanto o fracasso são temporários, alegrias e tristezas, dias e noites, estações do ano, nosso corpo, nossa mente, nossos desejos. Não há nada imutável.

Há uma frase genial do grande escritor José Saramago que fala sobre tudo isso:

“A vitória tem algo negativo: nunca é definitiva”

José Saramago

Essa frase é muito profunda, ela vem nos lembrar que não podemos nos acomodar onde estamos e no que fazemos. Tudo muda e devemos estar sempre atentos a essas mudanças que são tão naturais ao longo da nossa trajetória.

Uma ideia brilhante contida nessa frase é sobre o valor da HUMILDADE. Precisamos nutrir a humildade para nos mantermos sempre atentos! Hoje podemos estar tranquilos financeiramente, bem nos relacionamentos com a família, com o namorado(a), com a esposa ou marido, com a profissão, mas amanhã tudo pode mudar, nunca há garantias totais em nada.

O que garante que serei sempre um destaque no meu emprego? O que garante que a pessoa que eu amo vai estar comigo pra sempre? Ou meus amigos? O que garante que minha condição financeira será sempre pomposa? NADA, e o nome disso é impermanência.

Agora o que fazer para que essa impermanência não nos derrube? Simples! Precisamos nutrir bons pensamentos, a atenção plena está nos nossos pensamentos e como o gerimos.

Para entender melhor, compartilho uma frase incrível do filósofo britânico James Allen:

“As vitórias obtidas por pensamentos corretos só podem ser mantidas pela vigilância. Muitos negligenciam quando o sucesso está garantido e tornam a fracassar rapidamente.”

James Allen

Muitas pessoas fracassam na vida por não manterem seus pensamentos elevados, se acomodam, têm a falsa impressão de que já conquistaram tudo que podia ser conquistado e que podem dormir sossegados. Nessa hora a própria vida se encarrega de dar uma rasteira para que a pessoa entenda que não é por aí.

Ninguém bate mais duro do que a vida

Um exemplo perfeito é a parábola bíblica do fazendeiro rico, que havia acumulado muitos bens e pensou em construir celeiros maiores para guardá-los e usufrui-los de forma egóica, então vem Jesus dizer que este homem é insensato e que na mesma noite pediriam a sua alma e tudo o que deixou ficaria para ninguém. O fazendeiro acumulou tesouros apenas para ele mesmo e construiu sua ruína.

Eu penso desta forma, a vitória sempre deve ser recebida como apenas mais um passo na nossa trajetória e uma preparação para novos desafios, novas oportunidades, novas conquistas, sempre maiores do que as anteriores.

Precisamos entender que estamos neste mundo para evoluir, para crescer em consciência, para servir aos outros e não a nós mesmos, para amarmos e recebermos amor, para sermos felizes realizando a missão da nossa alma etc.

Não é simples ter o equilíbrio para viver nossa missão sempre atentos às curvas, aos conflitos, às mudanças que certamente acontecem. Mas digo e repito, o caminho para vivermos mais plenamente e minimizando os sofrimentos é cuidando da nossa mente, dos nossos pensamentos, cultivando a humildade e sabendo que a impermanência pode ser uma dádiva quando acolhida com pacificação e serenidade. Pense sobre isso…

* Para ouvir a leitura desse texto basta clicar [aqui]

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s