11 virtudes que podem transformar a sua vida

Por Isaias Costa

143364_Papel-de-Parede-Flor-de-Lotus--143364_1280x800Ontem eu publiquei uma série de textos falando sobre 7 tipos de pessoas que você deve evitar ser, mas o que fazer para se tornar uma pessoa melhor? É preciso nutrir grandes virtudes, as virtudes ensinadas pelos grandes mestres da humanidade como Jesus Cristo, Buda, Dalai Lama, Eckhart Tolle, Osho, Lao Tsé, Madre Teresa, São Francisco de Assis e por aí vai.

Esta é mais uma série trazendo 10 virtudes ensinadas por eles e outros mestres e que podem transformar nossa vida para sempre. Leia com bastante atenção…

  • Humildade

Não canso de repetir que considero a humildade a mais nobre de todas as virtudes. É a humildade a virtude que, se desenvolvida, pode nos fazer a cada dia sermos um pouquinho mais parecidos com Jesus Cristo. Se esse for o seu desejo não pode deixar de ler esse texto [aqui].

  • Empatia

Empatia é o sentimento de se colocar no lugar do outro e sentir o que ele sente sob a sua perspectiva e não a nossa. Essa virtude é muito nobre e o mestre Dalai Lama foi um dos mais a me ensinou.

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Sabedoria

Essa é uma viirtude para se conquistar durante a vida toda. Se tem uma virtude que jamais tem fim é a sabedoria, que se expressa através da simplicidade de olhar e viver…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Gentileza

Com certeza você já leu por aí a conhecida frase do profeta Gentileza, não é? “Gentileza gera Gentileza”. Ela é a mais pura verdade. Gentileza é algo contagioso. Um contágio do bem. Experimente!!

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Paz

Esse é um sentimento que cresce sempre, sempre e sempre de dentro para fora. É algo simples e sutil. E novamente Jesus foi um dos que ensinou esse sentimento com perfeição. Busque ser mais pacificado! O mundo inteiro se beneficiará com esta mudança…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Amor

Muitos confundem amor com paixão. Amor é talvez a virtude que menos aprendemos durante a vida. Sempre repito que o maior objetivo da nossa vida é aprender a amar, mas não um amor qualquer, mas o amor ágape, o amor incondicional, esse amor profundo que engloba todos os seres, a vida e a natureza…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Tolerância

A tolerância anda de mãos dadas com o amor! Só consegue ser tolerante quem aprende a amar. A tolerância é a virtude de saber que os outros possuem suas limitações, defeitos, comportamentos diferentes, e respeitar isso, sendo uma presença agradável e agregadora. Infelizmente, não são tantas as pessoas que desenvolvem essa virtude…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Silêncio

O silêncio é parceiro fiel da sabedoria. Todas as pessoas que vão se tornando mais sábias, naturalmente também se tornam mais silenciosas, porque percebem que a mais eloquente forma de ensinar as pessoas é pelas atitudes e não pelas palavras, elas são apenas códigos, apenas ferramentas. Busque a sabedoria do silêncio…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Gratidão

A gratidão é a virtude de estar feliz com o que você tem sido hoje, agora. É agradecer por tudo que tem, e acima de tudo, por tudo que é. A gratidão abre portas de prosperidade na vida de todos que se dispõem de coração a vivê-la no dia a dia, em simplicidade…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Perdão

O perdão é uma virtude que também anda de mãos dadas com a humildade. As pessoas mais humildes são as que têm mais facilidade em perdoar. O perdão enche nosso coração de amor e elimina os venenos que o nosso ego insiste em colocar no nosso corpo e na nossa alma. Essa, infelizmente, é outra virtude que nem todos buscam desenvolver. “Quantas vezes devemos perdoar, mestre?”. “70 vezes 7…”

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

  • Viver o hoje plenamente

Deixei essa por último porque a considero especial. Essa é a minha filosofia de vida há muitos anos. Digo a você com toda certeza! Viver o hoje muda nossa vida para sempre. Tudo conspira a nosso favor quando estamos presentes, quando estamos atentos às pequenas coisas. Isso é talvez o que mais escreva por aqui e certamente você ainda vai me ler bastante falando sobre isso…

=> Você pode ler o texto completo clicando aqui.

Anúncios

3 Comentários

Arquivado em Uncategorized

3 Respostas para “11 virtudes que podem transformar a sua vida

    • quando você investiga quem você realmente é, com sinceridade e honestidade, despido de toda ideia, conceito, a respeito de si mesmo, herdado pela sua cultura, dos seus pais, professores, mestres, etc. totalmente por si só, sem livros, sem guias, se você voltar toda sua atenção a si mesmo, para a sua fonte, e descobrir sozinho, quem é você, a sabedoria que se tem acesso demonstra que não existe nenhuma pessoa, nada pra ser melhorado, nada pra ser excluído e nada pra ser acrescentado, você é amor , incondicional, não exclusivo, em você, tanto a grosseria quanto a gentileza são permitidos, vistos e nutridos da mesma forma, todos os opostos são permitidos, não há nenhum tipo de condenação, você é compaixão, a mais pura e verdadeira expressão de compaixão, a absoluta aceitação sem nenhuma objeção, de tudo, exatamente como tudo é, sem julgamento, sem desejo e sem aversão, você conhece a perfeição, você reconhece a si mesmo em tudo, não existe mais discriminação entre atitudes, pensamentos, coisas, certas e erradas, apenas isso que é onipresente, sem partes e sem opostos, sem negativo e positivo, você, é o fim do conflito com o mundo, é o fim do conflito com o corpo e com a mente, você ama, você é amor, é impossível transformar a vida, a perfeição é ser o que você é, amar e aceitar o corpo e a mente como eles são, por que nada disso é real, apenas você é real, essa discriminação é necessária, não entre o que é bom e o que é ruim, por que isso nem existe, o dalai lama prega a transformação das emoções, essa é a receita do sofrimento, o fim do sofrimento é a aceitação do que quer que apareça que logo desaparece, enquanto que você é aquilo que não aparece nem desaparece, apenas observa, esse é o real silencio, não o oposto de barulho, mas sim consciência, pura observação, que não julga, não condena, não exclui, abraça, acolhe, nutre, o que quer que seja, como é.

      • Nossa!Me identifiquei demais com as suas palavras meu “amigo que despertou”! rsrsrsrs
        Parece que você andou lendo o Osho, ou estou enganado? Tudo isso que você colocou nesse pequeno texto é a transformação e crescimento interior para não ter mais o EGO como principal nas nossas decisões e escolhas.
        É como o “barco vazio”, termo que o Osho gostava tanto de repetir. Precisamos esvaziar nosso barco para que vazio ele só tenha espaço para amar de forma pura e genuína, o que é um exercício para a vida toda.
        Estou engatinhando nesse processo, mais sei que com entusiamo e constância posso chegar lá.
        Muito obrigado pelas suas palavras! Grande abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s