Eu não sou nada

Por Isaias Costa

garoto-triste-e-apaixonadoEsses dias li uma estorinha muito simples e profunda que me fez refletir sobre nossa natureza interior. Falando em termos de Física Quântica e coisa e tal, somos praticamente um completo vazio, pois somos constituídos de átomos e os átomos são um imenso vazio.

Nós, na realidade, não somos nada. NADA! Agora, à medida que vamos nos dando conta desse nada, ou seja, ganhando consciência, podemos crescer em HUMILDADE e AMOR. Como diria a querida Santa Teresa de Ávila: “Faz do meu nada amor…”.

É a partir do nada que nos tornamos amor! Sempre! Comigo! Contigo e com qualquer outra pessoa!

Leia esse texto com bastante atenção!

NÃO SOU NADA

Um menino de 12 anos tinha voltado da escola aos prantos. Seus pais estavam viajando e seu avô ficou cuidando dele. O avô viu que o menino estava chorando e foi falar com ele, perguntando:

– Aconteceu alguma coisa?

-Tive uma briga na escola – disse o menino meio choroso – e um dos garotos fez pouco de mim, dizendo que eu não sou nada.

O avô pensou por um tempo de cabeça baixa. Depois olhou para o neto e disse:

– Que bom que você é nada!

O menino olhou para o avô e disse para ele parar de brincadeira, pois o assunto era sério.

– Eu estou falando sério! – Disse o avô enfaticamente. – Preste atenção no que vou lhe dizer agora:

– Muitas pessoas não compreendem isso, mas o nada, ou o vazio, está presente em tudo que existe em nosso mundo, e podemos até mesmo dizer que o mundo não é mundo se não fosse o nada, ou o vazio. Observe que um copo de água só tem utilidade graças ao espaço de vazio, ou de nada que existe dentro dele, e se ele não tivesse esse espaço vazio, não poderia nele caber todas as coisas, nem água, nem coisa alguma. Graças ao espaço vazio de dentro de uma casa que as pessoas podem morar nela. Uma residência não seria útil se não possuísse um espaço com nada dentro onde pudesse caber tudo. Uma flauta só toca graças ao espaço de “nada”, de vazio que existe no seu interior. Inclusive se em nossa casa estivesse lotado de milhares de coisas, não teríamos espaço nem para nos mexer, ou seja, não teríamos qualquer liberdade. É justamente o nada ou o vazio que nos permite a liberdade de movimento e de ser. É possível construir uma casa num terreno cheio de rochas, por exemplo, ou temos antes de retirar tudo e criar um espaço vazio para depois construir a nova residência? O nada ou vazio é o espaço que permite a criação e a existência de algo.

Um copo cheio não cabe mais qualquer líquido, mas um copo vazio pode conter qualquer tipo de líquido. Com os seres humanos ocorre a mesma coisa: não ser nada implica na liberdade de ser o que quisermos. Pode-se mesmo dizer que se você não é nada, então você pode ser qualquer coisa. Você tem infinitas possibilidades de ser o que quiser. Azar daqueles que são alguma coisa, pois estes que são algo só são esse algo e mais nada. Você não… Você tem um universo de possibilidades de ser, enquanto eles só tem uma possibilidade. O nada é um infinito reservatório de possibilidades e criação, além de ser um pré-requisito para a liberdade.

O menino parou de chorar e ficou surpreso com as explicações do avô. O senhor concluiu:

Então, quando alguém disser que você é nada, ou que você é vazio por dentro, agradeça a essa pessoa, pois mesmo sem saber, esse é um grande elogio.

Hugo Lapa

**********

Ele está falando sobre o NADA. Ser nada significa estar aberto para o novo, aberto para ser preenchido, e não há nada mais profundo para preencher nossa interioridade como o amor. Ele preenche todos os nossos vazios e nos dá um sentido mais profundo para a nossa vida.

É interessante notar nesse texto que as pessoas que pensam ser alguma coisa, já estão totalmente preenchidas, sabe pelo quê? Pelo ORGULHO, que provém do nosso EGO.

As pessoas que são vazias, elas não. Elas não são dominadas pelo EGO, há sempre mais e mais espaço para crescer em amor, em consciência, em conhecimento, em sabedoria etc.

Enfim! Essa é apenas parte da linda mensagem contida nesse texto incrível.

Busque ser um nada interiormente! Isso lhe ajudará a se tornar mais humilde, consequentemente mais sábio e sereno…

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “Eu não sou nada

  1. Lúcia

    Que lindo texto!!!!
    Pela primeira vez,sinto orgulho em não ser nada de excepcional.
    Um texto para refletir muito!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s