Aquela velha opinião formada

Por Isaias Costa

10367141_690326281072156_2031640310983741764_n

Li um artigo incrível do médico e psicoterapeuta Humberto Mariotti com título “O automatismo concordo-discordo e as armadilhas do reducionismo”, que falava sobre essa tendência de muitas pessoas para reduzir as discussões, deixando prevalecer apenas seus pontos de vista como se fossem verdades absolutas, sem deixar abertura para pensamentos diferentes, ou ideologias diferentes etc.

Alguns trechos me fizeram refletir bastante, como esse aqui:

“Tendemos a reduzir nossas compreensões às dimensões do nosso ego, que é frágil, medroso e teme a reampliação. Teme-a porque ela o põe à prova, leva-o a confrontar as suas percepções e entendimentos com os dos outros. Como está preparado para competir, o ego sempre vê os outros como adversários, e portanto sente-se sempre ameaçado por eles. Por isso, pensar segundo modelos predeterminados e buscar apoio em referenciais que julgamos inquestionáveis (pressupostos) tornou-se uma forma de remediarmos a nossa fraqueza”.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s