Mude sua forma de desejar

Por Isaias Costa

Às-vezes-não-conseguir-o-que-você-quer-é-uma-tremenda-sorte.-Dalai-Lama

É muito comum ouvirmos das pessoas um ditado bem famoso que diz: “Parece que quanto mais eu rezo, mais assombração me aparece…”. Vou refletir um pouco sobre o que esse ditado tem para nos dizer. As pessoas o dizem em tom de brincadeira, mas não fazem ideia da energia contida por trás dessas palavras.

O que acontece é que a maior parte das pessoas não sabe pedir algo a Deus, não sabe desejar da maneira correta, e acabam atraindo para si, muitas vezes, o contrário do que realmente gostariam. Para refletirmos mais profundamente sobre esse tema, compartilho um pequeno texto de autoria da professora e escritora Cristina Cairo, extraído do seu livro “A lei da afinidade”. Leia com bastante atenção!

“Quando os sonhos não se realizam na época em que a pessoa deseja, normalmente ela fica desanimada, descrente, ou entra num estado emocional alterado, iniciando buscas incessantes de práticas místicas que ensinem a conseguir o que quer. Muitas praticam feitiços, simpatias e trabalhos de amarrações espirituais, sem saber que estão forçando a natureza a entregar-lhes o que querem. É como se fosse um assalto ao universo.

Tudo está corretamente distribuído no tempo e no espaço, de acordo com o carma (causa e efeito) de cada um. Portanto, forçar a natureza só vai provocar um efeito borboleta negativo em sua vida e na de outras pessoas.

Devemos compreender que, se o sonho não aconteceu, é por algum bloqueio cármico ou psicológico, ou, ainda, um sinal de que temos de revisar esses sonhos. Pode ser que alguns deles tenham mais a ver com uma atitude egoísta e não com sonhos que trariam bons frutos.

Concentrar sua atenção no aqui e agora, sabendo aproveitar com alegria tudo o que o presente tem a oferecer e baixar o nível de ansiedade, é tudo de que precisamos para que os nossos sonhos se realizem no tempo certo.

Mude a forma de desejar. Faça-o com paz no coração, sem pressa nem mágoas. Vibre na frequência do amor e reveja se a concretização desses sonhos eventualmente não pode causar tristezas profundas em alguém. Observe, também, se esses desejos cuja realização não se cumpre talvez ainda não estejam a seu alcance porque, ao realizarem-se, você não os assumiria, talvez até por falta de preparo psicológico para aceitar as consequências.

Visualize, mentalize e sonhe, mas com princípios e respeito pelo sincronismo divino.”

Cristina Cairo

*************

Essas são palavras muito profundas e verdadeiras. Para recebermos da vida e do universo aquilo que realmente desejamos, temos que estar exatamente na VIBRAÇÃO daquilo que desejamos, acreditar com fé inabalável que conseguiremos o que desejamos.

Muitas vezes não conseguir alguma coisa no tempo que se almeja é na realidade um LIVRAMENTO, para que você amadureça e saiba lidar bem com as situações que derivarem desta escolha.

Um exemplo bem simples. Muitas pessoas querem montar uma empresa e querem fazer um imenso investimento sem antes entender a fundo como funciona o mundo dos negócios. É comum, em muitos casos, haverem tropeços e mais tropeços no meio do caminho, e as pessoas ficam culpando Deus e a sorte, sem  saberem que os tropeços são, na realidade, livramentos, pois a responsabilidade que se deve abraçar ao criar e solidificar uma empresa são imensas, e definitivamente, não é para qualquer um. Se você não estiver preparado interiormente e psicologicamente para administrar essa empresa, você simplesmente não estará vibrando na vibração do sucesso dessa empresa, está conseguindo entender? É dessa forma que o universo entende as nossas motivações. Ele nunca entende as coisas pelo lado de fora, não! Ele entende pela nossa vibração, emanada das nossas emoções e dos nossos pensamentos.

Nessa hora, sempre me vem em mente uma célebre frase do grande Dalai Lama, que diz: “Às vezes, não ter o que se quer, é uma tremenda sorte”. Eu posso afirmar que isso é verdade pela minha própria vida. As minhas experiências me encaminharam de forma maravilhosa até onde estou hoje, e tenho muita sorte de não ter vivenciado muitas das coisas que antes acreditava serem as melhores para mim.

Até já falei em outros textos que pensava em ser professor efetivo de uma universidade. Meu Deus! Se eu tivesse abraçado essa ideia, jamais estaria aqui agora escrevendo esse texto e você não estaria lendo-o também, porque eu estaria trancafiado dentro de um laboratório da universidade, pesquisando o dia inteiro e profundamente infeliz com isso.

Foi uma grande sorte ter mudado de caminhos e ter enveredado para a Educação! Hoje, sou imensamente feliz como professor e como escritor nas horas vagas, compartilhando meus conhecimentos com você e com centenas de pessoas. Não é incrível? Tudo são escolhas, o poder das escolhas feitas no AMOR. Fiz minhas escolhas no amor e estou aqui hoje para lhe dizer o quanto vale a pena esperar para ter as melhores experiências e as mais enriquecedoras para o nosso ser, para o nosso “eu maior”.

Esta é a lei da afinidade, que tem muitas outros detalhes a serem explorados. Se quiser se profundar nesse conhecimento, sugiro a leitura deste livro que citei, pois é excelente e de uma leitura muito simples e agradável. O livro “A lei da afinidade”.

Mude sua forma de desejar e deseje apenas aquilo que faz o seu coração vibrar de emoção!

Paz e luz…

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s