Os últimos serão os primeiros

Por Isaias Costa

vida-leve

O mestre dos mestres Jesus Cristo, durante sua passagem pela Terra, nos ensinou tudo o que precisamos para ter uma vida plena, feliz e próspera. Mas é uma pena as pessoas não pararem para estudar profundamente os seus ensinamentos.

Nesse texto, vou aprofundar a mensagem de uma das suas mais célebres frases…

“Os últimos serão os primeiros e os primeiros serão os últimos”

Essa frase é de uma profundidade estupenda. Nessa mesma passagem ele ainda completa dizendo que “muitos serão os chamados, mas poucos os escolhidos”.

Enfim! Vamos à interpretação…

De uma maneira mais superficial, é bem clara a questão da HUMILDADE. Se você se mostra uma pessoa humilde de verdade, tem todos os recursos e condições de se tornam o primeiro. Lembrando que “humildade” significa “terra fértil”, ou seja, quem é humilde sabe que é incompleto e que sempre tem algo a mais para aprender, desta forma não humilha ninguém, não se torna autoritário, dogmático, exigente demais etc.

Estou procurando seguir os passos do mestre e ser pelo menos um pouco mais humilde a cada dia. Não é nada fácil, porque a nossa mente e o nosso ego ficam o tempo todo “dando pitaco”!

Mas essa passagem, sendo interpretada mais profundamente, nos leva a refletir sobre o EGO HUMANO, que está cada vez mais exacerbado na nossa sociedade.

Estamos dominados pelo CAPITALISMO e o lema é o lucro, o poder, a fama, o status, o prazer fácil, a comodidade, a felicidade sem fim etc. etc.

Tudo isso não passa de pura ilusão, mas as pessoas estão tão afastadas de seus centros que acham que essas coisas são a realidade. Definitivamente não são!

A felicidade e a plenitude vêm de dentro do nosso ser. Brota e cresce a partir do coração, que se conecta com o nosso eu divino.

Jesus, com suas sábias palavras, está fazendo uma dura crítica à COMPETIÇÃO que existe entre as pessoas.

Tudo na sociedade é colocado desta maneira, o primeiro, o segundo, o terceiro, até chegar ao último.

Com essa classificação, somente quem for o primeiro vai receber o seu prêmio, que recebe diversos nomes, como medalha esportiva, cargo em um concurso público, melhor voz em shows de talentos, melhor banda em concurso musical, melhor quadro da exposição, melhor música do evento, melhor pesquisa universitária…

Pensar desta maneira retira toda a beleza e mais que isso, toda a ESPONTANEIDADE da vida.

Pense comigo? Como você desenvolveria os seus dons se soubesse que não vai haver nenhuma competição? Que não vai haver primeiros nem últimos?

Aqui tem uma perspectiva bem interessante!

Os materialistas vão se FRUSTRAR. Vão pensar mais ou menos assim: “Que chato! Que graça tem eu fazer uma coisa e não receber nenhum reconhecimento dos outros? Não receber minha medalha de ouro para esfregar na cara do fulano? Não colocar no meu currículo que tenho formação no nível supremo?…”.

Eu sinto vontade de rir dos que pensam assim!…

Os mais voltados para a espiritualidade e o amor, para a essência do ser vão pensar assim: “Que bom não ter competidores, desta forma eu vou fazer tudo do jeito que eu achar melhor, independente do que vão pensar. Se só uma pessoa gostar está ótimo, se até mesmo ninguém gostar, ótimo do mesmo jeito, porque eu estou feliz, estou fazendo isso com toda a minha alma…”.

Você consegue perceber a diferença? Os materialistas pensam PARA FORA, quem está na sua essência pensa PARA DENTRO, para ser ainda mais profundo, na realidade quem está na essência nem pensa muito, SENTE, vibra nesse amor e nessa certeza.

Com esses exemplos ou posso voltar ao que Jesus quis dizer, os últimos são aqueles que estão vivendo pelo coração, que aos olhos do mundo são considerados “loucos”, “perdidos”, “fracassados”, “lunáticos” etc. E os primeiros são aqueles que estão competindo, que estão ansiando pelas medalhas, por reconhecimento externo.

Pois é! Sabe de uma coisa? Eu estou cada vez mais procurando fazer parte dos últimos! E a recompensa que estou tendo é a FELICIDADE GENUÍNA.

Muitos dizem que estamos neste mundo para sermos felizes, essa frase virou até clichê, mas quem a vive de verdade, hein?

Você é feliz? Se faça esse questionamento? Se não é, que tal pensar com carinho nessas palavras de Jesus e no que estou colocando aqui! Se você caiu nesse texto é porque de alguma forma está buscando isso!

Sejamos felizes, e a melhor maneira de sermos felizes de verdade é sendo os últimos, longe das competições, pois assim seremos os primeiros no nosso coração, e ao optar pelo coração, acredite! Nem mesmo precisaremos dizer que estamos em primeiro…

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “Os últimos serão os primeiros

  1. Leilane

    Sábias palavras, amigo!
    O mundo é competitivo, isso é um fato! No entanto, penso que devemos nos policiar para cair o menos possível nas armadilhas dessas “competições” que muitas vezes são inevitáveis!
    Vigiai e orai!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s