Você é uma pessoa carente de amor?

Por Isaias Costa

7153_212439695570832_1259955994_n

Lendo o livro incrível da escritora e palestrante americana Louise Hay chamado “O poder dentro de você”, fiquei encantado com um trecho no qual ela falava sobre os relacionamentos dependentes e o quanto as pessoas que são carentes precisam urgentemente se autoconhecerem e desenvolverem mais o amor próprio. O trecho dizia o seguinte:

“Existe uma grande diferença entre a necessidade de amor e a carência de amor. Se você se sente carente de amor é porque não está obtendo amor e aprovação da pessoa mais importante que existe para você nesse mundo: você mesmo. Ao se envolver em um relacionamento, você está dependendo de alguém para suprir essa carência, o que não resulta em nada de bom para ambos os envolvidos. 

Quem precisa de alguém para se realizar é um dependente. Quem se apóia nos outros e não cuida de si mesmo é dependente. Eu, por exemplo, acreditei por anos a fio que não era criatura suficientemente boa e ficava procurando o amor e aprovação dos outros. Não gostando de mim, eu atraía parceiros que só me magoavam.”

Louise Hay

*******************

Essas são palavras simples, mas de uma profundidade absurda. Leia-as com bastante carinho e recomendo que releia sempre que achar necessário.

Ela fala sobre algo que praticamente todas as pessoas têm, pelo meno enquanto ainda não amadureceram pra valer, que é a DEPENDÊNCIA AFETIVA.

Quero deixar bastante claro que a dependência emocional é algo natural quando se trata da nossa INFÂNCIA. Nessa fase da vida é absolutamente necessário receber amor e carinho das pessoas que cuidam desta criança, acima de tudo os pais.

Porém, à medida que nós vamos crescendo e amadurecendo, a vida nos coloca em novas dinâmicas e experiências, e essa dependência emocional não pode mais existir, porque se existir, só gerará desgastes e sofrimentos.

Por isso que recomendo tanto o autoconhecimento nos meus textos, porque somente através dele você poderá voltar lá na sua infância para entender de onde veio toda essa carência de amor.

Praticamente todas as pessoas que na vida adulta se tornam dependentes afetivas receberam pouco amor e carinho dos pais, e também por muitas vezes foram cobradas em demasia, foram muito exigidas e apresentados a realidades onde reinava a falta desse amor mais profundo, então tudo isso fica registrado no INCONSCIENTE dessas crianças, gerando assim muito medo de amar, medo de se entregar e medo de ter esse complemento do amor em outra pessoa.

* Sugestão de leitura: O medo de amar

Perceba o significado desta palavra, CARÊNCIA, ela vem do verbo “carecer”, que significa FALTA. Aquilo que falta em mim eu preciso SUGAR do outro, ROUBAR do outro.

Pode parecer duro colocar dessa maneira, mas boa parte dos relacionamentos são verdadeiros contrabandos, e sabe qual é esse contrabando? A ENERGIA da outra pessoa!

Se você não se ama profundamente você vai roubar a energia do outro, sugá-la! E esse processo fica se retroalimentando. Estou em poucas palavras resumindo para você o que é um relacionamento DEPENDENTE. Um suga a energia do outro de forma mútua. Nesse processo não existe um COMPARTILHAMENTO, como deveria ser a forma correta e equilibrada de se relacionar.

Eu gosto muito das palavras do Osho e ele sempre me inspira muito a escrever. Na sua visão de um iluminado, o amor profundo e verdadeiro é um COMPARTILHAMENTO. Eu tenho tanto amor dentro do meu coração que não posso retê-lo, não posso guardá-lo só para mim, muito menos dedicá-lo a uma única pessoa.

Esse detalhe final não vou me estender porque só esse tópico já daria outro texto imenso. As pessoas que mais sabem amar e amam com profundidade são aquelas que não restringem seu amor apenas ao namorado ou namorada, marido ou esposa, mas a todos os seres, à natureza, às pessoas que pedem ajuda, aos animais etc.

Vivemos em uma sociedade tão adoecida, que nos é ensinado que se eu amo e demonstro afeto com outras pessoas que não o parceiro sentimental estou traindo, estou desrespeitando, estou desvalorizando o amor… Já pensou que coisa estúpida? Estou escrevendo esse texto para mostrar para você como as coisas são de fato.

O amor é algo INESGOTÁVEL, quanto mais eu me amo, mais tenho amor para DAR aos outros. Isso é uma lei universal. A lei do DAR E RECEBER. Quanto mais eu amo, mais tenho capacidade de amar não só uma única pessoa, mas a humanidade inteira. Esse é meu desejo para você, que você busque crescer nesse amor, que transcende o amor de um relacionamento amoroso.

Você percebe que a chave de tudo é o AMOR PRÓPRIO? E esse amor próprio tem relação direta e profunda com o MERECIMENTO. Quanto mais eu me amo, mais eu sei que mereço alguém que compartilhe essa minha felicidade para torná-la ainda maior do que já é. Eu estou muito bem comigo mesmo, mas fico ainda melhor na presença da pessoa amada, entende?

É nessa hora que entendemos a questão da NECESSIDADE DE AMOR, que a Louise fala nesse trecho do livro. Ninguém nasceu para ser uma ilha, mas precisamos antes de tudo desenvolver o amor próprio, para só depois disso podermos compartilhar esse amor. Nós de fato necessitamos dos outros, mas sem jamais dependermos deles. Necessitamos dos outros para compartilharmos nosso amor e para EVOLUIRMOS através das diferenças de personalidade!

É assim que a vida funciona. Tudo pode ser muito mais simples se você se permitir que assim seja!

Concluo com esta indagação. Você é uma pessoa carente de amor? Medite sobre isso e desenvolva a partir dessa reflexão mais e mais o seu amor próprio e o seu merecimento desse amor profundo!

Paz e luz…

 

 

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma resposta para “Você é uma pessoa carente de amor?

  1. Sim, sou. Mas já fui muito mais. Quanto mais carente menos chance de uma amor, no sentido de relacionamento acontecer. Legal a reflexão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s