As pessoas refletem nossas sombras e nossa luz

Por Isaias Costa

espelho

Existe um livro maravilhoso chamado “O lado sombrio dos buscadores da luz”, da escritora norte americana Debbie Ford, que fala sobre as nossas sombras e como trabalhá-las jogando a luz da consciência sobre elas.

Esse é um livro que recomendo fortemente a leitura a todos, pois pode nos ajudar a enxergar nossas sombras e tomarmos consciência delas! E assim mudando posturas, comportamentos, pensamentos e sentimentos.

Farei uma breve reflexão a partir de um trecho desse livro que me chamou muita atenção e explica porque determinadas situações se repetem na nossa vida indefinidamente. Confira!

****************

Hank achava que era uma pessoa cuidadosa e responsável, mas ele precisava atrair um tipo específico de mulher para mostrar-lhe aspectos escondidos de si mesmo. As outras pessoas espelham o que está dentro de nós porque, subconscientemente, estamos provocando isso nelas. É por isso que certo tipo de pessoas e de situações aparecem e reaparecem vezes sem conta em nossa vida. O milagre acontece quando você se apropria de um aspecto seu e o assimila. Nesse ponto, a pessoa que está lhe servindo de espelho também deixará de ter aquele comportamento, ou você será capaz de decidir afastá-la de sua vida. Quando você quebra a conexão, não precisa mais de uma outra pessoa para espelhar a sua sombra, e, como você estará mais inteiro, atrairá de forma natural aqueles que refletem a sua totalidade. Se o nosso propósito, do fundo da alma, é nos tornarmos completos, suscitaremos continuamente aquilo que precisamos enxergar para ser inteiros. À medida que nos apropriarmos de mais partes de nós mesmos, pessoas mais saudáveis aparecerão em nossa vida.

*****************

O Hank citado nessas palavras era um rapaz que sempre se atrasava em um curso ministrado pela Debbie, porém ele sempre se queixava que sua namorada se atrasava cerca de 2h nos seus compromissos, o que o deixava com muita raiva.

Então a Debbie explica que o atraso dela era para lhe mostrar que ele próprio se atrasava nos compromissos e isso incomodava e chateava muita gente!

É assim que as nossas sombras atuam, através de processos inconscientes. A gente não faz a menor ideia de que aquilo que nos incomoda no outro existe dentro de nós!

Somente mergulhando fundo no autoconhecimento podemos abrir mão de tanto orgulho e tanta prepotência e admitirmos que realmente aquilo que nos incomoda no outro é parte de nós mesmos!

Até já comentei em outro texto que sempre que ficamos com muita raiva ou indignados com alguém, a pergunta mais sábia a se fazer é essa: “O que em mim em relação a esse sentimento (_______________) precisa ser mudado? Precisa ser trabalhado?”.

Assim, trabalhamos em nós exatamente o mesmo sentimento que abominamos no outro. Dessa maneira, acredite! Você se tornará um ser humano cada vez melhor e com mais recursos.

O interessante é que nosso mundo externo sempre é um reflexo do nosso mundo interno, e as pessoas que surgem na nossa vida vêm para nos ensinar algo, e nesse algo está tanto o positivo quanto o negativo.

É mais ou menos assim.

Aquilo que achamos admirável, louvável e maravilhoso nos outros também existe dentro de nós, só que está encubado, talvez até mesmo encrostado por medos, por traumas, por condutas errôneas ensinadas pelos pais etc.

Aquilo que você admira nos outros está em você e pode se manifestar a qualquer momento, basta que você se esforce nesse sentido.

Da mesma forma aquilo que reclamamos, que achamos ruim, negativo, danoso, pesaroso ou mesmo cruel nos outros, também existe em nós, mas camuflado pelos nossos moralismos, pelas nossas rédeas ensinadas de “n” formas diferentes!

Vou citar um exemplo de sombra que trabalhei em mim e que contribuio para o meu melhoramento humano.

Na época da adolescência e começo da vida adulta, quando cursei Bacharelado em Física, eu era extremamente tímido, reservado, isolado, não queria muita conversa com quase ninguém, era aquele “bicho do mato”, e por tudo isso me comportava como um egoísta, mas nem me dava conta disso.

Só na faculdade, convivendo com outros rapazes que eram muito, mas muito mais isolados, calados, fechados e egoístas que eu, foi que me dei conta do quanto EU ERA ASSIM.

Eu atraí pessoas semelhantes a mim para me ensinarem a não ter um comportamento que era tão negativo e tão autodestrutivo.

Comecei a compreender que não eram meus colegas que tinham que mudar, mas EU. Foi daí que passei a mergulhar profundamente no autoconhecimento e fui me apaixonando pela Psicologia e também pelo Ensino, que é a maior das minhas vocações!

Hoje já consegui dissipar muitas das minhas sombras jogando essa luz da consciência sobre elas e convido você nessa breve reflexão a fazer o mesmo! Comece a compreender com mais precisão como se dão esses processos de PROJEÇÃO DE PERSONALIDADE, tão amplamente estudados pela Psicologia e é um conhecimento que todos nós deveríamos conhecer mais e nos interessar.

Para que você reflita um pouco mais sobre esse tema tão amplo, compartilho um breve áudio que eu gravei a partir dessa passagem do livro da Debbie Ford. Vale a pena reservar uns minutinhos para ouvi-lo…

 

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

2 Respostas para “As pessoas refletem nossas sombras e nossa luz

  1. observadoradeboascoisas

    Vou procurar esse livro, parece bem interessante.. depois te conto o que achei🙂

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s