Vantagens de ser introvertido

Por Simone Oliveira

introversão

Há algum tempo tenho me sentido em paz procurando levar pra longe da minha mente qualquer pensamento negativo ou inoportuno. É um pouco complicado, porém, com a prática tenho criado esse hábito, lógico, sempre pedindo a Deus que me ajude.

Desde sempre sou introvertida. Mas não num grau baixo, e sim monstruosamente introvertida ao ponto de deixar de conversar com terceiros para ficar com meus pensamentos e reflexões interiores e não me sentir sozinha nunca. Por causa disso, sempre fui tida como aquela garota quieta, que não conversa com ninguém, de poucos amigos e frequentemente distraída. Fazer o quê! A cabeça está a mil, não sobra tempo para ver o que está do lado de fora!

Sim, é claro que isso me atrapalhou em vários momentos, por exemplo, perdi a conta de quantas vezes já esqueci as coisas que me pediram, troquei as datas dos eventos ou simplesmente esqueci as informações que automaticamente considerei menos importantes na minha vida. Também conheci um número menor de pessoas do que poderia ter conhecido se me esforçasse mais para “sair da bolha”. Em todo o caso, hoje concluí que, a despeito de todos os percalços que a minha personalidade calada e pensadora trouxe à minha vida, diminuindo minha concentração e foco nas tarefas por muitas vezes, ela também é motivo de grande apreço e agradecimento.

Existem dois lados da história, e eu escolhi olhar o lado bom.

O fato de eu ser introvertida me deixa bem à vontade para lidar com as minhas questões internas e, enquanto eu vejo as pessoas tendo problemas para resolver consigo mesmas até idades avançadas e transformando isso em desafios e doenças mais sérias, muito do que eu tinha já foi resolvido precocemente. Não tenho medo de me colocar contra a parede ou de lembrar de fatos e reações próprias. Penso muito antes de agir, evitando consequências negativas, uma habilidade que certamente os extrovertidos não têm, e por isso acabam despejando tanta bobagem sem sentido nos outros.

Devido a minha timidez, tenho o costume de me preparar bem mais para falar em público, ou até mesmo para qualquer tarefa que vá fazer, e mais uma vez a introversão ajuda, pois faço-me perguntas, procuro respostas, converso mentalmente e me motivo sempre. Que fique claro, o fato de eu ser tímida, em grau pequeno eu diria, não é sinônimo de introversão. Há muitos introvertidos não tímidos.

Não sinto tanta falta de situações de interação social. Muitos já ouvi reclamarem que, com os estudos e trabalho, não têm tempo para sair com os amigos e conversar. Eu sempre fui muito estudiosa (a nerdzona da turma) e nunca me senti mal por dedicar mais tempo à leitura ou exercícios e menos (bem pouco na verdade, no fim de semana) para falar. Com certeza eu prezo por amizades profundas, relacionamentos sinceros e amo passar tempo com meus próximos, apenas sinto a necessidade de estar sozinha na maior parte do tempo.

Por me envolver menos em rodas de conversa, sou alvo menor de piadinhas de mau gosto, de pessoas querendo fofocar e falar mal da vida alheia e de pessoas sem intimidade vindo perguntar da minha vida. Tudo isso pois fico de boa assistindo alguma série, lendo algum livro ou até mesmo pensando sozinha. Ah, não tem preço!

Ultimamente tenho visto uma revolução em prol de pessoas como eu e é tão bom saber que já começamos a mudar a imagem caricata que tínhamos! Vejo muitos gráficos, desenhos, artigos sobre e fico esperançosa com isso. Esse assunto é bastante extenso pois há muito o que dizer, mas vou ficando por aqui, talvez numa próxima vez eu continue o tema.

Para finalizar, gostaria de compartilhar o que Susan Cain diz a respeito dos introvertidos e como eles são vistos e tratados nos dias atuais. O desfecho é sensacional, foi o que me fez parar para escrever este texto.

famosos introvertidos

Galera famosa era/é introvertida!

E se você ainda estiver em dúvida sobre a capacidade dos introvertidos, leia essa matéria do site Mega Curioso e aproveite para descobrir se você é ou não um deles:

10 características de uma pessoa introvertida – Mega Curioso

Ser introvertido não é ser esnobe, ter problemas sociais ou dificuldades de se relacionar, não é estar sempre emburrado e não querer interagir ou estar triste e cabisbaixo como muitos extrovertidos pensam. Falta muita informação e respeito nessas acusações, como se nós fôssemos esquisitos e inferiores de alguma forma. Não somos, temos um jeito diferente de lidar com a vida, e isso é bom! Não nos diminuam por não querermos nos sobressair, também temos algo a acrescentar, algo que nunca saberão, se tomarem por verdade as palavras discriminatórias envolvendo nossa personalidade. Temos muito por trás da calmaria e quietude e solidão imprescindíveis para se produzir ideias preciosas, criativas e lapidadas. Pensem nisso!

euSimone Oliveira. Santos-SP. Bacharel em Engenharia Civil por formação e escritora por gosto. Estuda para concursos e se dedica às aulas particulares de exatas, ao namorado, à família e às suas atividades na igreja. Ainda não descobriu seu propósito na vida, mas tem certeza de que tem um. Pede que Deus a guie por esse caminho até a sua volta.

 

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

2 Respostas para “Vantagens de ser introvertido

  1. Eu me identifiquei bastante com esse texto, pelo fato de também ser introvertido. Quero aproveitar esse comentário pra falar sobre outra grande vantagem dos introvertidos.
    Eles têm uma maior receptividade para compreenderem os grandes mistérios do universo. Os famosos gênios da ciência, da tecnologia, das artes e da literatura são quase em sua totalidade introvertidos, e nos processos longos de silêncio e contemplação eles têm insights literalmente divinos e acabam fazendo revoluções!
    Um exemplo magnífico é o mestre Albert Einstein, que revolucionou a Física e a Ciência através da sua introspecção. Ele passava horas e horas somente caminhando pelos arredores da Universidade de Princeton ou quando da descoberta da Teoria da Relatividade e Efeito Fotoelétrico ele ficava viajando em seus pensamentos no Laboratório de Patentes onde trabalhava! E em momentos especiais ele tinham suas sacadas geniais.
    Quero deixar uma dica de livro especial para os leitores, chamado “Einstein – o enigma do universo”, do filósofo brasileiro Huberto Rohden. Esse livro fala sobre tudo isso e sobre o quão vantajoso foi o senhor EInstein ser introvertido!
    Abraço!

    • Ótima dica! Introvertidos têm um ar misterioso por ficarem sempre com seus pensamentos e não falar sobre suas ideias até que estejam completamente lapidadas.
      E Eistein não era estranho ou alheio à realidade, uma verdadeira lição para nós.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s