Sejamos transformadores de nós mesmos e do mundo

Por Isaias Costa

Esses dias me peguei refletindo sobre um aparelho eletrônico de extrema importância nas mais diversas áreas, os transformadores, cuja função é alterar a voltagem e/ou a corrente elétrica que vai alimentar um determinado aparelho. Sem eles, pode acontecer duas coisas, ou alguns aparelhos literalmente queimarem suas placas internas ou funcionarem de forma fraquinha, bem aquém do que o normal.

Se pararmos pra analisar mais detidamente esses aparelhos e a nossa própria vida nesse período de tantas crises mundiais, que foram agravadas pela pandemia do coronavírus, há muita semelhança.

Muita gente está entrando em estafa mental, emocional ou física por não estarem conseguindo ter um bom equilíbrio. Já outras estão muito desmotivadas, deprimidas, desesperançosas, porque também estão fora do seu eixo, ou seja, estão vivendo bem aquém de suas possibilidades.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A única forma de mudar a realidade do mundo

Por Isaias Costa

Estamos há vários meses enfrentando uma pandemia bem grave na qual, até esse momento (final de setembro de 2020), já matou oficialmente mais de 1 milhão de seres humanos! O mundo deu um imenso chacoalhão e todos nós sofremos esse impacto, em maior ou menor grau.

Venho refletindo bastante sobre o que será de nós e do planeta após passar essa pandemia. Muita gente tem um olhar de desesperança, de achar que a humanidade não tem mais jeito, que estamos todos perdidos, que está vindo o apocalipse total. Discordo dessa visão que penso ser bem catastrofista.

O que me inspirou na escrita desse texto foi várias ideias interessantes que estou ouvindo de diversos terapeutas. Você observou que nunca se disseminou e se falou tanto sobre Psicologia, Psicanálise, terapias holísticas e medicinas naturais como agora?

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Uma mensagem profunda deixada por Marilyn Monroe nos seus últimos momentos de vida

O autor John Powell, na sua belíssima obra “Arrancar máscaras! Abandonar papéis!” conta um pouco da triste história de suicídio da famosa atriz Marilyn Monroe, o que me trouxe algumas reflexões que venho compartilhar com vocês.

********

 “Em um domingo de manhã, 5 de agosto de 1962, Marilyn Monroe foi encontrada morta. Mais tarde o legista declararia que fora “suicídio”. Quando a empregada de Marilyn descobriu seu corpo sem vida naquela manhã de domingo, notou que o telefone ao lado da cama estava fora do gancho. Obviamente Marilyn fizera uma última tentativa de se comunicar com alguém. Quando sua última tentativa fracassou, ela desistiu e morreu sozinha”.

John Powell

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

O melhor lugar do mundo é aqui e agora

Por Isaias Costa

mulher-pensando-no-passado

Na noite anterior à escrita desse texto eu tive um sonho bem interessante e riquíssimo de simbolismo. Venho compartilhá-lo para ampliar as reflexões com todos vocês que o lerem!

No sonho eu voltava ao passado em alguns anos, para algo em torno de 2010-2011 e relembrava momentos incríveis passados junto com as pessoas queridas da minha família, principalmente os momentos na praia, nos divertindo, tomando banho de mar, vendo o por do sol etc.

Todos nós bem mais jovens que hoje. Eu estava fisicamente como era nesse tempo, mais magro, mais forte, sem cabelos brancos! hehehe. Deu um sentimento bacana de nostalgia. O mais interessante se deu um pouco depois, quando de repente eu me vejo sozinho numa rua bem próxima da praia e nela aparece tipo um túnel e lá no final tinha uma luz bem forte amarelada, na qual dava pra perceber que era uma espécie de portal que me levaria “definitivamente” para o passado no qual estava.

=> Clique aqui para ler o texto completo 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A velhice é o verão de dentro e o inverno de fora

Por Isaias Costa

Group Of Senior Retirement Exercising Togetherness Concept

Ouvi essa frase lindíssima numa Live do Instagram com o João Vale Neto (@vale_joao) e a Leticia Garcia, da página “Silêncio e Movimento” (@silencioemovimento), e fiquei encantado com sua profundidade e poder de reflexão. Link [aqui].

Infelizmente, vivemos numa sociedade que demoniza a velhice como se ela fosse um erro, algo a ser evitado a todo custo. Nessa hora sempre lembro de uma frase que já virou clichê, mas é muito verdadeira: “agradeça por envelhecer, pois esse é um privilégio negado a muitos”. Sim! envelhecer é uma maravilha. Milhões e milhões de pessoas gostariam de ter vivido bem mais e acabaram partindo cedo por “n” motivos.

Inclusive posso até contextualizar com o momento atual, no qual centenas de milhares de pessoas já morreram pelo Covid-19. Garanto que todas elas, ou quase todas elas, gostariam de ainda estar vivas e saudáveis. Portanto, reforço pra você a importância da GRATIDÃO por estar vivo.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Quanto mais preciso você for, mais precioso se tornará

Por Isaias Costa

1469008498147

No português há duas palavras com a escrita muito parecida e com significados absolutamente diferentes, as palavras PRECISO e PRECIOSO. Estava refletindo sobre elas e o quanto se complementam em diversos contextos. Se você pensar nas mais diversas áreas de atuação, quanto mais preciso você for, mais precioso se tornará.

Nos mais diversos esportes podemos verificar isso. No basquete, quanto mais preciso for o seu arremesso, melhor você é avaliado como jogador. No futebol, quanto mais preciso for o chute, maior a possibilidade de se tornar um goleador e ser convocado pra jogar nos mais disputados times. Na natação, quanto mais precisa for a sua técnica de nado e condicionamento físico, mais rápido você se torna. Nas corridas de fórmula 1, quanto mais preciso e concentrado for seu modo de dirigir, maiores as possibilidades de você ser um campeão etc.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Tudo que envolve concentração é antinatural

Por Isaias Costa

o-custo-da-desigualdade

“Tudo que envolve concentração é antinatural. A natureza é distribuída. Concentração de poder. Concentração de dinheiro. Concentração de gente na Faria Lima. É antinatural. Inclusive, quando concentra sangue é uma trombose e a pessoa pode até morrer. A natureza flui! Não é cálice, é canal…” – Murilo Gun

*******

Essa fala belíssima foi dita pelo palestrante e empreendedor Murilo Gun numa live que ele fez no Instagram junto com o empreendedor social Fabio Silva (@fabio_nj) no dia 03/07/20 e achei genial.

Nós como seres humanos nos desconectamos totalmente da natureza e do seu estado de fluidez e não concentração. Nenhum ser na natureza, com exceção do homem, tem o desejo de acumular coisas para si, e é exatamente por isso que estamos tão desequilibrados e atraindo respostas como o coronavírus para nossas ações perversas.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Um caminho possível para tornar o Ensino à Distância mais viável

Por Isaias Costa

shutterstock_565381135

Um dos grandes dilemas que o Brasil está passando no meio dessa pandemia do coronavírus é o EAD (Ensino à Distância). Quero nesse breve texto levantar uma reflexão sobre um dos maiores empecilhos para que ele aconteça de forma efetiva: os milhões de estudantes que não têm computador ou acesso à internet.

Eu me inspirei em diversas falas da querida Profa. Viviane Mosé nas Lives pelo Instagram. É compreensível dizer que não se pode ter as aulas remotas porque milhões de alunos não têm computador ou acesso à internet e por isso o melhor é esperar que a pandemia arrefeça para só então retornar às aulas presenciais.

Ok! Caso a pandemia durasse apenas 1 ou 2 meses essa seria uma solução perfeitamente viável, porém, o que complica é que o coronavírus tem se mostrado não só no Brasil, mas no mundo todo, bem mais contagioso e letal do que se podia pensar no começo de 2020.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Um sonho revelador das desigualdades sociais brasileiras

Por Isaias Costa

social031

Nessa madrugada (07/06/20) eu tive um sonho muito revelador que gostaria de compartilhar com vocês. Deixei anotado num papel para ter a certeza de não esquecer dele ao acordar (essa é uma dica que dou a todos vocês que querem lembrar os sonhos ao acordar e fazer deles ferramentas de autoconhecimento ok?).

Eu estava num lugar lindo, paradisíaco, lembrava muito o Beach Park. Tinha muitos coqueiros, plantas altas, piscinas, jardins, além de muitas pessoas rindo e se divertindo. Mas eu estava só caminhando e apreciando a paisagem. Quando menos espero, sinto um fedor estranho e percebo que ele vem de um porão com bem pouca luz.

Ao descer para esse porão, vejo muitos sacos enormes de lixo orgânico, moscas e ratos. Além disso, via um portão todo enferrujado e com um cadeado enorme. Parecia que se o atravessasse, a podridão seria ainda maior.

Nesse hora, surge de repente um homem branco, bem gordo, de estatura mediana e todo bem vestido com terno e gravata. Vem até mim com muita raiva e pergunta: “Como você conseguiu descobrir esse lugar? Você não pode entrar aí! Saia daí imediatamente!”

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Ri-se da cicatriz quem nunca foi ferido

Por Isaias Costa

LCELOZ33GFG7JCO2WGJJUZCBF4

Como diz um recente artigo do jornal El País, os EUA vivem a maior crise racial desde a morte de Martin Luther King. O que vemos pelos telejornais é apenas um recorte bem pequeno da efervescência das manifestações contra o racismo que vem acontecendo nos últimos dias.

Falar sobre essa temática é delicadíssimo e considero super necessário. As palavras lúcidas do filósofo Mario Sergio Cortella me inspiraram a pensar melhor sobre o que vêm acontecendo. Confira…

**********

Ter a capacidade de se afetar pelo sofrimento à nossa volta e ter a sensibilidade de não menosprezar aquela condição. Cada indivíduo, em tempos difíceis, tem os seus sofrimentos, os seus transtornos. Há, no entanto, pessoas que são vitimadas pelas situações de modo mais perene e com dores mais profundas.

Isso significa que há uma honradez na compaixão, que não é ter pena de alguém, mas a possibilidade de uma sintonia, de uma empatia com aquela forma de desconforto, de dificuldade. E também pela iniciativa de dar o passo seguinte, que é procurar ajudar as pessoas nessa condição.

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized