Arquivo do mês: julho 2016

Ninguém muda ninguém

Por Isaias Costa

dsc_6453

Essa é uma verdade universal e já escrevi sobre ela diversas vezes por aqui e sob óticas diferentes. Porém, há sempre algo a mais a ser acrescentado. Farei uma breve reflexão a partir das palavras do psiquiatra e escritor Flávio Gikovate, confira!

*********************

Sendo verdade a ideia de Platão, de que o amor deriva da admiração, temos que concluir que quem ama o rude e egoísta admira esse modo de ser.

Para uma pessoa amar alguém tão diferente do seu próprio modo de ser terá forçosamente que ser portadora de uma autoestima muito precária.

Outro fator que pode fazer com que uma pessoa se apegue a uma relação na qual é mal tratada é a esperança: “quem sabe um dia ele irá mudar”!

A mistura da baixa autoestima com uma certa ideia de grandeza pode levar uma pessoa a pensar que, aos poucos, ela irá ajudar o amado a mudar.

O resultado final é sempre o mesmo: o que ama suporta anos de ofensas e humilhações antes de fazer o que deveria ter feito logo: se afastar.

Pessoas com boa autoestima e com uma razão forte só se interessam por relações em que haja correspondência: amar e ser amado do mesmo modo!

Flávio Gikovate

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

As doenças se alimentam do tempo

Por Isaias Costa

212

Lendo o incrível livro “Praticando o poder do agora”, do mestre espiritual Eckhart Tolle, fiquei encantado com um trecho no qual ele falava sobre as doenças físicas e como elas são alimentadas.

Quero desde já deixar claro que essa percepção que ele coloca é muito profunda e só será compreendida por você se houver da sua parte o que ele mesmo diz, um ESTADO DE ENTREGA ao momento presente, ao aqui e agora!

É como eu intitulei esse texto: “as doenças se alimentam do tempo”, e você vai entender o porquê…

********************

“Quando você estiver doente ou incapacitado, não sinta que fracassou de alguma forma, não sinta culpa de nada. Não culpe a vida por tratar você tão mal, mas também não se culpe de nada. Tudo isso é resistência.

Se você tem uma doença grave, use-a para alcançar a iluminação. Use qualquer coisa “ruim” que acontecer na sua vida para alcançar a iluminação. 

Retire o tempo da doença. Não dê a ela nenhum passado ou futuro. Deixa-a forçar você para a percepção intensa do momento presente. E veja o que acontece.

Torne-se um alquimista. Transforme o metal em ouro, o sofrimento em consciência, a infelicidade em iluminação.”

Eckhart Tolle

*******************

Nessas poucas palavras, ele nos dá uma das chaves mais profundas para curar TODAS as doenças. Essa chave é viver completamente no aqui e agora.

Muito se tem falado sobre isso nos dias de hoje, mas são poucos os que compreendem e menos ainda são aqueles que explicam essas teorias e conceitos com clareza e didatismo, como estou procurando fazer nesse exato momento.

As doenças, na grande, mas na grande maioria das vezes meeeesmo, se alimentam do PASSADO da pessoa. Falo isso porque já tem certo tempo que estudo a Metafísica da Saúde, e essa ciência milenar nos mostra com maestria que os principais sentimentos que se somatizam no corpo gerando doenças são mágoas, ressentimentos, angústias, tristezas, raivas, desamparo etc.

Pense comigo! Dá pra sentir raiva de algo que vai acontecer no futuro? Ou ressentimento de coisas que nunca ocorreram? Impossível não é mesmo? É até incoerente falar isso.

E tem também a tal da ANSIEDADE, que é o medo do futuro. Quem é ansioso se projeta no futuro o tempo todo, com medo de que aconteça um desastre, ou que as coisas aconteçam diferente do que se imagina.

Se você prestar bem atenção, todas as doenças são de fato ou excesso de passado ou excesso de futuro. Se você exercitar estar absolutamente consciente do momento presente, sentindo cada instante, sentimento a sua respiração e fazendo cada atividade com atenção plena (também conhecida por mindfulness), a probabilidade de você contrair um doença é quase nula, é algo que tende a zero.

Esse é o grande desafio. Não alimentar as doenças com o tempo. Se você estiver doente, seja de que doença for, a primeira recomendação que dou é essa: preste atenção na sua respiração. Respire conscientemente. Existem milhares de exercícios de respiração na internet, é só pesquisar!

Esse será o início da sua cura definitiva. A respiração consciente nos ajuda a sair do passado ilusório ou do futuro miragem quase que instantaneamente. Portanto! Exercite isso e verifique pequenas mudanças acontecendo no seu corpo.

E outra dica preciosa é a GRATIDÃO. Sim! Agradeça pela doença e por ela ter se manifestado. Acredite! Ela é um sinal de Deus para lhe mostrar onde você está errando, onde você precisa melhorar e principalmente, que caminhos seguir para crescer em consciência e amor.

Pela Metafísica da Saúde, você tem uma espécie de “mapa”, que lhe direciona para o que fazer e que posturas adquirir. Eu acho essa ciência simplesmente magnífica. Quanto mais o tempo passa, mais me apaixono por ela. Inclusive deixo até como uma sugestão a série de áudios que gravei falando um pouquinho sobre ela. São 40 áudios com as mais diversas doenças, suas causas e como se curar delas definitivamente. Segue o link logo abaixo…

* Série de áudios “Metafísica da Saúde”

Enfim amigos! Sei que esse é um tema muito amplo e complexo, mas acredito que você tenha  conseguido compreender pelo menos um pouquinho. Se sentiu dificuldade em alguma parte do texto releia e também fique à vontade para fazer perguntas ou tirar alguma dúvida, os comentários estão aqui para isso! Para interagirmos!

Paz e luz.

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A confusão pode ser uma benção

Por Isaias Costa

awebic-criativos-8

Existe uma palavra da língua portuguesa que não é vista com bons olhos, exatamente porque queremos ter sempre o controle sobre a nossa mente e nossas atitudes. Trata-se da palavra confusão.

Lendo as sábias palavras do místico oriental Osho refleti bastante sobre ela. Compartilho algumas para ajudar nas ideias…

******************

Confusão é uma grande oportunidade. Ela simplesmente diz que através da mente não há nenhum caminho. Se você está realmente confuso, você é abençoado. Agora algo é possível, algo imensamente valioso; você está no limite. Se você estiver totalmente confuso, isso significa que a mente fracassou; agora a mente não pode mais suprir qualquer certeza para você.

Osho

******************

Quando pensei nesta palavra LIMITE, tive um insight bem interessante que compartilho com você agora. Se eu quebrar essa palavra, o que tenho? Veja só!

CON + FUSÃO = junto da fusão (transformação de sólido em líquido)

Ou seja, se eu estou confuso, é porque estou exatamente no meu limite para me TRANSFORMAR de um pedra bruta e inflexível em um líquido suave e moldável. Não é incrível?

Desse ponto de vista, de fato a confusão se torna uma benção, uma oportunidade de crescimento em consciência.

Infelizmente, a grande maioria das pessoas se deixam dominar pela mente e pelo lado mais racional, deixando de lado o mais importante, o nosso grande guia, o CORAÇÃO.

Pode parecer clichê, mas é o coração que nos indica que caminho seguir, de quais pessoas se aproximar, o que estudar, que palavra dizer e por aí vai, mas nós somos teimosos, e só vamos começar a ouvir o coração depois de já ter quebrado a cara total e se rendido através dos fracassos e perdas.

Inclusive eu até gravei um áudio bem bacana tempos atrás falando sobre não se desesperar quando nos perdermos na nossa caminhada, inspirado na linda música “Faz parte”, dos Engenheiros do Hawaii. Acredite! Como diria o Gessinger nessa música:

“Perder o rumo é bom se perdido a gente encontra um sentido escondido em algum lugar”.

Áudio: Perder o rumo é bom

Se você estiver confuso nesse momento ou se não estiver, mas sabe que a qualquer momento pode ficar. Quero deixar aqui uma ótima recomendação.

Respire profundamente e aprenda a meditar!

O Osho sempre ensinava as pessoas que a meditação é o caminho mais rápido para encontrarmos a nossa essência e para dissiparmos as nossas sombras.

A confusão vem desse comportamento de rocha, de pedra bruta que precisa se aquecer até chegar ao ponto de fusão para se tornar líquido e como um líquido se moldar às novas configurações da vida.

Quem é líquido como a água simplesmente ACEITA que existem obstáculos e não briga com eles, apenas os contorna. Você já observou as águas que caem de uma corredeira? O que elas fazem quando se deparam com uma pedra? Simplesmente contornam essa pedra, não brigam com ela!

O Osho com suas sábias palavras está nos ensinando a serenizar a mente para chegar rapidamente a esse ponto de fusão e transformar a CONFUSÃO em meditação, em serenidade, em paz de espírito.

Esse é meu desejo pra você! Aprenda que a confusão pode ser SIM uma benção, desde que você aprenda a transformá-la em sabedoria de vida e em transformação.

Para continuar refletindo sobre isso, compartilho também outro texto do blog que traz uma interessante reflexão sobre os pensamentos confusos. Vale a pena conferir…

Texto: Pensamentos confusos

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

As variedades de situações enriquecem a nossa vida

Por Isaias Costa

presente-passado-futuro

Outro dia li uma frase fabulosa atribuída ao geógrafo, naturalista e explorador alemãoAlexander von Humboldt que me fez refletir bastante, ela dizia o seguinte:

“Para que o humano se enriqueça, se consolide e se aperfeiçoe é necessário que exista a variedade de situações”

Alexander von Humboldt

Apesar de curta, essa frase pode nos levar a grandes reflexões. Vou falar nesse texto a partir da minha própria experiência e da observação de pessoas que fazem parte da minha vida.

O nosso aperfeiçoamento está diretamente relacionado com as experiências de vida, e quanto mais diversificadas elas são, mais nós desenvolvemos o que chamo de RECURSOS, e esses recursos são na realidade, ferramentas de desenvolvimento das diversas inteligências que temos em nós como inteligência física, emocional, lógica, relacional, musical, expressiva, espiritual e por aí vai…

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

O que eu penso sobre aposentadoria?

Por Isaias Costa

rubem-alves-morreu

Estou escrevendo esse texto no dia em que se faz memória ao falecimento de um senhor que admiro do fundo do meu coração e que me inspira demais a escrever. É claro que estou falando dele, o mestre RUBEM ALVES.

Ele faleceu no dia 19/07/2014 deixando um imenso legado de sabedoria para a humanidade. Assim como ele, a cada novo texto que escrevo, também estou deixando o meu legado para as pessoas. Ler as palavras do Rubem me motiva a continuar sempre escrevendo.

Em homenagem a ele, tratarei nesse texto de um tema que ele sempre falava, mas até este momento, nunca escrevi com mais detalhes, a APOSENTADORIA. Eu penso sobre a aposentadoria da mesma forma que ele, e para embasar as ideias, nada melhor do que as palavras do próprio Rubem não é mesmo?

“Imagino que o poeta jamais pensaria em se aposentar. Pois quem deseja se aposentar daquilo que lhe traz alegria? Da alegria não se aposenta… Algumas páginas antes o herói da estória havia declarado que, ao final de sua longa caminhada pelas coisas mais altas do espírito, dentre as quais se destacava a familiaridade com a sublime beleza da música e da literatura, descobria que ensinar era algo que lhe dava prazer igual, e que o prazer era tanto maior quanto mais jovens e mais livres das deformações da deseducação fossem os estudantes.”

Fonte: A alegria de ensinar

Essas são palavras lindas e inspiradoras. Minhas maiores vocações são o ENSINO e a ESCRITA. São duas coisas que amo e que me dá uma imensa alegria.

Quando alguém fala comigo sobre aposentadoria sempre brinco que vou me aposentar quando tiver uns 100 anos, porque eu sinto tanta alegria em ensinar e escrever que não me vejo longe disso no período da velhice. E esse texto é uma motivação para que você repense a aposentadoria.

É possível se aposentar de uma maneira mais inteligente e sábia. Infelizmente a maior parte das pessoas se aposenta e depois que se aposenta não utiliza seu maiores dons em prol de ajudar um grande número de pessoas, quem faz isso são as pessoas que tem dentro de si um propósito maior.

Quero deixar claro que o problema não é se aposentar, o problema é se ACOMODAR, o que acaba transformando a vida na terceira idade numa rotina enfadonha e desgastante.

Para que você entenda ainda com mais clareza o que estou querendo transmitir, compartilho algumas palavras do grande educador Gabriel Perissé:

***************

Na primeira página do jornal Folha de S.Paulo de hoje, “aposentadoria” é palavra em destaque.

“No século XVI circulava a palavra “apousentar”, no sentido de fazer alguém pousar e repousar. O hóspede podia pousar no “apousento” de uma casa amiga. No século XIX o “u” já tinha ficado na estrada (ou terá pedido a aposentadoria?). A aposentadoria tornava-se direito trabalhista.

(Curiosidade: D. Pedro I concedeu a aposentadoria aos professores públicos que completassem 30 anos de serviço. Tal aposentadoria era denominada “jubilação”, do latim jubilatìo,”gritos de alegria”.)

Aquele que peregrina por muitos anos tem direito a pousar um dia. A palavra “pousar” remete ao latim pausare, “parar”, “descansar”. Mas descansar com dignidade. E aposentadoria não significa pendurar as chuteiras e ficar num canto, parado, paralisado. O aposentado pode e deve caminhar em novas direções, dedicando-se a atividades diversas e exercendo funções sociais relevantes.”

Fonte: O pouso do aposentado

**********************

Percebe como é lindo? Se aposentar é POUSAR e parar tranquilo num ambiente que lhe dê prazer e alegria.

Eu sou bem jovem, mas me imagino bem velhinho numa casinha confortável escrevendo sem nenhuma pressa nem preocupação com prazos e compromissos maiores. Essa é, a meu ver, a melhor forma de se aposentar, você continuar fazendo aquilo que ama fazer, porém sem cobranças e sem tanta responsabilidade.

“O aposentado pode e deve caminhar em novas direções, dedicando-se a atividades diversas e exercendo funções sociais relevantes.”

Você que me lê agora, o que poderia fazer na sua velhice que fosse socialmente relevante? Se você nunca pensou sobre isso, que tal pensar hoje aproveitando essa linda inspiração que tive a partir do mestre Rubem Alves?

Enfim! Que você olhe a aposentaria com olhos mais amorosos e altruístas! Essa é a minha visão e sonho que mais e mais pessoas passem a enxergar esse período da vida a partir desse olhar, e assim se encham de criatividade para ajudar esse planeta a ser pelo menos um pouquinho melhor, como fez o querido Rubem, que sempre vai nos deixar saudades…

* Para ouvir a leitura desse texto basta clicar [aqui]

 

 

 

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Você é uma pessoa carente de amor?

Por Isaias Costa

7153_212439695570832_1259955994_n

Lendo o livro incrível da escritora e palestrante americana Louise Hay chamado “O poder dentro de você”, fiquei encantado com um trecho no qual ela falava sobre os relacionamentos dependentes e o quanto as pessoas que são carentes precisam urgentemente se autoconhecerem e desenvolverem mais o amor próprio. O trecho dizia o seguinte:

“Existe uma grande diferença entre a necessidade de amor e a carência de amor. Se você se sente carente de amor é porque não está obtendo amor e aprovação da pessoa mais importante que existe para você nesse mundo: você mesmo. Ao se envolver em um relacionamento, você está dependendo de alguém para suprir essa carência, o que não resulta em nada de bom para ambos os envolvidos. 

Quem precisa de alguém para se realizar é um dependente. Quem se apóia nos outros e não cuida de si mesmo é dependente. Eu, por exemplo, acreditei por anos a fio que não era criatura suficientemente boa e ficava procurando o amor e aprovação dos outros. Não gostando de mim, eu atraía parceiros que só me magoavam.”

Louise Hay

*******************

Essas são palavras simples, mas de uma profundidade absurda. Leia-as com bastante carinho e recomendo que releia sempre que achar necessário.

Ela fala sobre algo que praticamente todas as pessoas têm, pelo meno enquanto ainda não amadureceram pra valer, que é a DEPENDÊNCIA AFETIVA.

Quero deixar bastante claro que a dependência emocional é algo natural quando se trata da nossa INFÂNCIA. Nessa fase da vida é absolutamente necessário receber amor e carinho das pessoas que cuidam desta criança, acima de tudo os pais.

Porém, à medida que nós vamos crescendo e amadurecendo, a vida nos coloca em novas dinâmicas e experiências, e essa dependência emocional não pode mais existir, porque se existir, só gerará desgastes e sofrimentos.

Por isso que recomendo tanto o autoconhecimento nos meus textos, porque somente através dele você poderá voltar lá na sua infância para entender de onde veio toda essa carência de amor.

Praticamente todas as pessoas que na vida adulta se tornam dependentes afetivas receberam pouco amor e carinho dos pais, e também por muitas vezes foram cobradas em demasia, foram muito exigidas e apresentados a realidades onde reinava a falta desse amor mais profundo, então tudo isso fica registrado no INCONSCIENTE dessas crianças, gerando assim muito medo de amar, medo de se entregar e medo de ter esse complemento do amor em outra pessoa.

* Sugestão de leitura: O medo de amar

Perceba o significado desta palavra, CARÊNCIA, ela vem do verbo “carecer”, que significa FALTA. Aquilo que falta em mim eu preciso SUGAR do outro, ROUBAR do outro.

Pode parecer duro colocar dessa maneira, mas boa parte dos relacionamentos são verdadeiros contrabandos, e sabe qual é esse contrabando? A ENERGIA da outra pessoa!

Se você não se ama profundamente você vai roubar a energia do outro, sugá-la! E esse processo fica se retroalimentando. Estou em poucas palavras resumindo para você o que é um relacionamento DEPENDENTE. Um suga a energia do outro de forma mútua. Nesse processo não existe um COMPARTILHAMENTO, como deveria ser a forma correta e equilibrada de se relacionar.

Eu gosto muito das palavras do Osho e ele sempre me inspira muito a escrever. Na sua visão de um iluminado, o amor profundo e verdadeiro é um COMPARTILHAMENTO. Eu tenho tanto amor dentro do meu coração que não posso retê-lo, não posso guardá-lo só para mim, muito menos dedicá-lo a uma única pessoa.

Esse detalhe final não vou me estender porque só esse tópico já daria outro texto imenso. As pessoas que mais sabem amar e amam com profundidade são aquelas que não restringem seu amor apenas ao namorado ou namorada, marido ou esposa, mas a todos os seres, à natureza, às pessoas que pedem ajuda, aos animais etc.

Vivemos em uma sociedade tão adoecida, que nos é ensinado que se eu amo e demonstro afeto com outras pessoas que não o parceiro sentimental estou traindo, estou desrespeitando, estou desvalorizando o amor… Já pensou que coisa estúpida? Estou escrevendo esse texto para mostrar para você como as coisas são de fato.

O amor é algo INESGOTÁVEL, quanto mais eu me amo, mais tenho amor para DAR aos outros. Isso é uma lei universal. A lei do DAR E RECEBER. Quanto mais eu amo, mais tenho capacidade de amar não só uma única pessoa, mas a humanidade inteira. Esse é meu desejo para você, que você busque crescer nesse amor, que transcende o amor de um relacionamento amoroso.

Você percebe que a chave de tudo é o AMOR PRÓPRIO? E esse amor próprio tem relação direta e profunda com o MERECIMENTO. Quanto mais eu me amo, mais eu sei que mereço alguém que compartilhe essa minha felicidade para torná-la ainda maior do que já é. Eu estou muito bem comigo mesmo, mas fico ainda melhor na presença da pessoa amada, entende?

É nessa hora que entendemos a questão da NECESSIDADE DE AMOR, que a Louise fala nesse trecho do livro. Ninguém nasceu para ser uma ilha, mas precisamos antes de tudo desenvolver o amor próprio, para só depois disso podermos compartilhar esse amor. Nós de fato necessitamos dos outros, mas sem jamais dependermos deles. Necessitamos dos outros para compartilharmos nosso amor e para EVOLUIRMOS através das diferenças de personalidade!

É assim que a vida funciona. Tudo pode ser muito mais simples se você se permitir que assim seja!

Concluo com esta indagação. Você é uma pessoa carente de amor? Medite sobre isso e desenvolva a partir dessa reflexão mais e mais o seu amor próprio e o seu merecimento desse amor profundo!

Paz e luz…

 

 

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

Não siga sempre em frente

Por Isaias Costa

DSCN2396-624x468

Recentemente ouvi uma pequena estorinha muito linda em uma das palestras da queridaMonja Coen. Ela fazia o seguinte questionamento, baseado nos grandes sábios do Japão:

“Como você faria para andar reto por uma estrada cheia de curvas?”

Difícil não é? Bem! Quando ela falou isso eu saquei na hora o significado deste questionamento: “Simples! Basta que eu esteja ATENTO às curvas, para andar sempre em frente fazendo as curvas do jeito que elas aparecem no caminho…”.

E então foi mais ou menos o que ela disse como sendo talvez a “moral da estória”.

Apesar de curtinha, essa estória é riquíssima de ensinamentos para nós!

A vida em todos os aspectos nunca, JAMAIS, é uma linha reta! Sempre existem curvas que devemos aprender a transitar em paz e harmonia!

=> Clique aqui para ler o texto completo

1 comentário

Arquivado em Uncategorized

A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação

Por Isaias Costa

menina.flor

Um sentimento extremamente presente na vida de quase todas as pessoas é a CULPA. No entanto, existe algo bem positivo no sentimento de culpa, que comentarei um pouco nesse texto a partir das sábias palavras do terapeuta holístico e palestrante Diogo Beltrame. Veja!

****************

A razão anda junto com a verdade, onde a verdade está presente não pode existir mentira e na ausência de mentira não pode haver conflitos. A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação, portanto a escolha entre essas duas manifestações da realidade cabe única e exclusivamente a você.

Independentemente do que você pensa que acredita, dentro de você mora a razão e ela sempre te indicará o caminho da verdade. Isso ocorre com você desde sempre e só não foi percebido pela sua própria decisão de querer continuar se enganando com intuito de manter o seu sistema de crenças vigente. Todos sabem o que é certo e errado e todos já cometeram equívocos que podem ter prejudicado outras pessoas, e todos esses equívocos estão dentro de você gerando culpas e conseqüente sensação de inadequação e não merecimento daquilo que é bom. Enquanto você não olhar para isso e não se resolver, continuará carregando essas culpas dentro de si e todos os desdobramentos que provem delas.

É necessário que se faça um profundo trabalho interno para reconhecer as culpas que estão dentro de você. E, ao identificá-las, é necessário fazer aquilo que está disponível no sentido de resolver alguma situação em aberto com as pessoas que passaram pela sua vida e que guardam mágoas em relação a você.

Pedir desculpas não é sinal de fraqueza, pelo contrário, desculpar-se significa que você amadureceu e tornou-se uma pessoa forte, pois você entendeu que a força só pode vir da ausência total de ataques e que, quem tem necessidade de atacar e se defender, obrigatoriamente acredita em inimigos; e ninguém que tenha inimigos pode ser verdadeiramente forte. A verdadeira força vem da humildade e do acolhimento, e nunca da agressão e da soberba. Ninguém que necessite de poder pode ser forte, pois a necessidade de poder serve apenas para mascarar a fraqueza inerente àqueles que buscam desesperadamente por ele.

Portanto, peça desculpas para aquele que você feriu. Isso é tudo o que você pode fazer e a única forma de libertar-se da culpa. Não há mais nada para ser feito. Pedir desculpas é o suficiente e nem sempre o outro estará preparado para te perdoar, e isso deverá ser respeitado. Contudo, a decisão do outro cabe somente a ele, e não sendo essa pessoa capaz de praticar esse perdão, você deve respeitá-la e tranquilizar a sua consciência pelo fato de ter feito aquilo que precisava ser feito. Você fez a sua parte e isso basta. Isso é tudo. Todo erro pode ser corrigido e toda correção depende apenas da intenção sincera de realizá-la.

Faça o que deve ser feito e não se preocupe com o resultado da sua ação, pois ele não depende somente de você e ninguém poderá te cobrar por algo que esteja às suas margens.

Diogo Beltrame

Link: Culpa ou absolvição?

****************

Enfim! O lado positivo do sentimento de culpa é que, se nós somos HUMILDES, podemos aprender a pedir desculpas com total transparência e dignidade.

O Diogo fala sobre isso com maestria nesse texto dele. Infelizmente existem pessoas que por conta do ORGULHO, muitas vezes perdem amizades ou relacionamentos amorosos que poderiam durar a vida inteira, perdem empregos por causa de atitudes impulsivas e impensadas etc. É sinal de amadurecimento emocional e mesmo espiritual pedir desculpas com sinceridade.

Se você que me lê agora ainda tem dificuldades de pedir desculpas, convido você a mergulhar mais no autoconhecimento, porque certamente você está tentando sustentar uma máscara que no longo prazo pode lhe prejudicar imensamente.

A frase que intitulou esse texto foi uma das que mais me impactou: “A verdade coexiste com a paz e a mentira com a perturbação”. A gente sente que está evoluindo de verdade como ser humano quando consegue estar em paz mesmo diante das dificuldades e tribulações da vida.

É possível superar as dificuldades em paz e tranquilidade, mas para isso você precisa se conhecer. Saber que agressividade, impulsividade, raiva, indiferença, medo, pânico e por aí vai, não são sentimentos e comportamentos de quem está vivendo a verdade pessoal entende?

Se nas suas experiências cotidianas esses sentimentos citados são corriqueiros, seria muito interessante você humildemente aceitar que alguma coisa está caminhando longe da verdade e a partir desta aceitação dar pequenos passos diferentes.

É dessa forma que acontece a mudança, sabia? Quase sempre ela vem junto com uma dor que se torna insuportável! Já nos dizia o pai da Psicanálise não é mesmo?

“Quando a dor de não estar vivendo for maior que o medo da mudança, a pessoa muda.”

Sigmund Freud

Termino esse texto com essa reflexão! Você quer ter uma vida plena, feliz e realizada? Então trabalhe internamente esses sentimentos e comportamentos que são egóicos, como a CULPA e o ORGULHO, que foram os focos desse texto.

Certamente ainda abordarei outros sentimentos egóicos em textos futuros, mas por enquanto vale a pena pensar com carinhos nestes!

Paz e luz!

2 Comentários

Arquivado em Uncategorized

A arte de contemplar

Por Isaias Costa

img_13041

Essa é uma palavra que infelizmente é abordada por pouquíssimas pessoas, porque ela exige um olhar mais poético para a vida.

Contemplar tem na sua estrutura a palavra TEMPLO. Então, quando você contempla algo ou alguém é porque está olhando para o DIVINO que existe ali, entende?

Eu posso contemplar uma obra de arte, uma linda paisagem, uma flor, um por de sol, os mares etc. E posso também contemplar uma pessoa.

A gente contempla quem ama de coração e com profundidade. As mães que estejam me lendo agora sabem bem o que é isso. Quantas vezes vocês não ficam ou ficaram minutos, dezenas de minutos só olhando para os seus bebês enquanto eles dormiam?

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

A cozinha cósmica

Por Isaias Costa

Amor-Planetario

Li no excelente livro da escritora e palestrante americana Louise Hay chamado “O poder dentro de você”, uma das explicações mais simples para o processo da CO-CRIAÇÃO, tão propagado hoje em dia pelos estudiosos da Física Quântica e por muitos palestrantes motivacionais.

Num determinado trecho do livro ela falava que os nossos pedidos para o universo são como uma cozinha cósmica e faz essa comparação a partir de um restaurante. Você vai, olha o cardápio, faz o pedido bem específico: “Eu quero isso, isso e aquilo outro…”.

Depois disso fica esperando calmamente ao conversar com os amigos que estejam com você na mesa. Você fica tranquilo porque sabe que nesse intervalo de tempo a sua comida está sendo feita e virá bem quentinha pra você.

E ela completa dizendo que se o que chega na mesa não é bem o que você quer, basta ser mais específico com o pedido, dando MAIS DETALHES para que o dono do estabelecimento entenda o tal pedido.

Na vida é a mesma coisa. Precisamos dar detalhes para o Deus cósmico que mora nessa “cozinha fictícia” sobre o que desejamos e esperar calmamente e pacientemente.

Esse é resumidamente o processo de CO-CRIAÇÃO, não é bacana?

Muitas pessoas acham tudo isso uma balela por motivos muito simples de explicar. O maior deles é que elas são RACIONAIS demais, olham para a vida pela ótica apenas dos pensamentos e nunca associando com os sentimentos.

É como eu sempre digo, os pensamentos devem trabalhar aliados aos sentimentos. É assim que a LEI DA ATRAÇÃO funciona!

O outro motivo é a PRESSA. A maior parte das pessoas quer tudo PARA ONTEM e esquecem que tudo no universo tem o chamado TEMPO DE MATURAÇÃO.

Você só receberá da vida o que deseja no momento exato que estiver preparado e quando estiver na exata vibração daquilo que deseja. Nunca antes disso!

É preciso entender que você precisa vibrar na mesma frequência daquilo que deseja, sem lamuriar, sem ficar com vitimismo, sem raivas etc.

Por exemplo. Você quer muito um determinado emprego. Então você precisa fazer essa visualização de já estar trabalhando nele. Você visualiza os seus colegas de trabalho exatamente com a postura que você imagina, sendo respeitosos e carinhosos com você, e você sendo valorizado pelo que faz.

Quando isso estiver absolutamente internalizado em você e você já tenha dado todos os passos necessários para a conquista desse emprego, como entrega de currículos, entrevistas, estudos para testes ou concursos etc. pode ter certeza que no momento certo esse emprego será seu, e ele virá do jeito que você tanto sonhou. Esse momento certo pode vir em uma semana, em um mês, em um ano ou dentro de alguns anos.

O segredo é estar AUTOCONFIANTE, é se encher de AMOR PRÓPRIO e AUTOVALOZAÇÃO. Desta forma não tem outra, você será um sucesso no que se propor a desempenhar.

Da mesma forma pode ser levado para atrair um bom relacionamento. Visualize a pessoa que você deseja para compartilhar da sua felicidade. Veja só! Eu disse COMPARTILHAR ok? Infelizmente, muitas pessoas buscam um relacionamento como forma de preencher vazios interiores, para alimentar suas carências afetivas ou pior, por medo da solidão. Sinto dizer, mas um relacionamento buscado com essas premissas jamais será verdadeiramente pleno e feliz.

Você precisa primeiro estar muito feliz consigo mesmo para só em seguida visualizar essa pessoa especial que vai dividir a vida com você.

Lembra do ser específico? Aqui, mais do que nunca é importante que você seja específico. Visualize essa pessoa com todos os valores humanos que você deseja e com todos os traços físicos que deseja e lance ao universo.

Pode ter certeza que esse lançar ao universo com vai fazer esse desejo se materializar. Mas cuidado! Você precisa se sentir absolutamente MERECEDOR desse amor.

* Sugestão de leitura: Cuidado ao pedir um amor em sua vida

Muitos não conseguem atrair para si esse relacionamento profundo porque não se sentem merecedores de um amor verdadeiro, no fundo se acham um lixo, ou que não tem tanto valor assim, então o universo faz aquilo que o subconsciente ordena, traz exatamente o que se desejou.

Por isso sempre recomendo nos meus textos que você se aprofunde no autoconhecimento. Quanto mais você se conhece, mais se sente merecedor de tudo de melhor que a vida pode oferecer e não vai se contentar com qualquer coisa ou com migalhas de afeto.

E faça como a Louise Hay sugere! Se ao atrair alguém para a sua vida, você sente que essa não era bem a pessoa que tanto sonhava. Deixe-a livre para seguir seu caminho sem você, mas lembrando sempre o mais importante de tudo, ser GRATO pela experiência! Esse ponto é importantíssimo. Quanto mais gratidão temos pelas experiências amorosas vivenciadas, mais isso mostra que estamos amadurecendo de verdade!

E em seguida seja mais específico com o seu desejo e lance-o para o universo com amorosidade e sem querer que as coisas aconteçam no seu tempo, porque não vão acontecer! Nunca se esqueça do tempo de maturação do universo que não tem ligação nenhuma com o seu tempo…

Portanto! Aprenda a utilizar essa cozinha cósmica. Faça o seu pedido com fé e com muito amor à vida, à sua vida! Assim você receberá bem quentinho do garçom cósmico o seu pedido!

Desejo tudo de melhor na sua vida!

 

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized