Arquivo da tag: comportamento

Nossas autodefinições congeladas

Por Isaias Costa

22164054704645

Um dos grandes mestres que vive entre nós é o mestre Eckhart Tolle, que vem fazendo um trabalho de conscientização espetacular ao redor do mundo inteiro. Venho aprendendo muito com sua imensa sabedoria. Nesse texto venho compartilhar com você algumas palavras dele e fazer uma breve reflexão a respeito delas. Confira…

*************

Pare de se definir — para você mesmo ou para os outros. Se abra à vida. E não se preocupe com que os outros possam julgar você. Quando eles julgam, eles estão limitando a si mesmos.

Uma vez que você esteja identificado com alguma forma de negatividade, você talvez não queira deixar de ir (as coisas negativas) em um nível inconsciente profundo, você não quer uma mudança positiva. Isto poderia ameaçar a sua identidade como uma pessoa deprimida, uma pessoa com raiva ou difícil de lidar. Você então vai ignorar, negar ou sabotar os aspectos positivos de sua vida. Este é um fenômeno comum. É também algo semelhante a uma loucura.

Eckhart Tolle

Continuar lendo

Anúncios

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Inveja

Por Simone Oliveira

olhos

Sentimentos de inferioridade e frustração com a vida, revolta devido às condições de nascimento ou maneira pela qual convivemos, atrelados à comparação com as aparentes realizações de outros mais ou menos próximos de nós pode gerar essa coisinha ruim que é a inveja.

Ô sentimentozinho nojento, viu? Um dos piores erros da humanidade, causador de tanta falsidade, fofoca e intriga tanto antigamente quanto hoje em dia.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Como lidar com a dor?

Por Isaias Costa

maxresdefault

Eu gosto muito dos textos provocativos e mega inteligentes do escritor Alex Castro. Com sua série de artigos chamada de “As Prisões”, que foram publicadas no site “Papo de homem”, ampliei minha consciência e visão de mundo de forma impressionante. Só tenho a agradecer a ele por dividir com milhares de pessoas a sua sabedoria.

Esses dias ele publicou um texto bem curtinho mas interessantíssimo, sobre como lidar com a dor! Leia com bastante atenção…

*************

Pergunta: “Alex, como você lida com a dor?”

As pessoas me fazem essa pergunta e eu não sei o que responder. Na verdade, não sei nem que tipo de resposta possível estão buscando.

Seria como me perguntar:

“Alex, quando você é pego, de repente, no meio de um temporal, sem sombrinha, sem sobretudo, sem marquise… como você lida com a chuva?”

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Chuva de opiniões para dar e vender

Por Simone Oliveira

Ninguém pediu sua opinião

Olá, tudo bem com você? Estou meio sumida desse blog, há tempos não tenho tido ideias  para escrever um texto novo. Até penso em algo, mas nada suficientemente detalhado para render boas linhas e deixar reflexões importantes.

Bem, eis que veio uma inspiração. Uma hora ela tem que aparecer, certo? E dessa vez, aconteceu quando eu finalmente me acalmei no meio de tantos planejamentos e rotinas criadas. Corri pra cá, abri o word e aqui estou.

Uma vez ouvi que ninguém está atrasado ou adiantado na vida. Todos estão nos seus próprios fuso-horários. Por isso é tão importante que não nos comparemos com as realizações ou fracassos alheios, uma vez que cada um está percorrendo o próprio caminho em seu devido tempo. E assim é a história, não dá pra estabelecer um padrão pois cada indivíduo é diferente!

Continuar lendo

4 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Pecado é a virtude exagerada

Por Isaias Costa

equilibrista

Há poucos dias li um livro maravilhoso do grande filósofo e escritor brasileiro Mario Sergio Cortella chamado “Viver em paz para morrer em paz” e tive grandes insights ao longo de sua leitura.

Venho através desse pequeno texto compartilhar um desses insights. O que me inspirou foi um trecho do texto “Desejo, necessidade, vontade”, que transcrevi aqui embaixo.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

F.R.I.E.N.D.S, amigos e nós

Por Simone Oliveira

FRIENDS

Recentemente comecei a rever no tempo livre a série F.R.I.E.N.D.S. Agora ela está disponível na Netflix, então pela primeira vez é possível assisti-la um episódio atrás do outro em vez das cenas desconexas de antigamente na Warner. E fazia tanto tempo que eu não acompanhava que sinceramente já havia esquecido boa parte da história.

De qualquer forma, parei para pensar, depois de terminar a primeira temporada, na sensação que esse seriado aparentemente leve e hilário me passou. Sim, porque tudo o que nós acompanhamos causa impressões e mexe com as nossas emoções, os programas são feitos para isso, pra nos instigar, nos prender e nos fazer querer ver mais e mais daquilo. Os dramas obtêm sucesso pelo suspense, o terror pelo retrato do terrível e horroroso, as comédias por fazerem rir. Talvez por isso nada seja 100% como o cotidiano, porque o dia-a-dia não é estimulante o suficiente, gera tédio e aborrecimentos, desanima mais do que motiva. A vida é assim na maior parte do tempo.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

DRs são exercícios de autopercepção

Por Isaias Costa

DRs

Estava lendo as palavras da querida terapeuta Gisela Vallin no facebook e fiquei refletindo sobre um tema que muita gente não quer nem chegar perto, as “DRs” (discutir a relação).

Existem DRs não apenas em relacionamentos amorosos, mas em relacionamentos entre amigos, entre colegas de trabalho, e na família. Por isso esse é um texto que serve para todos, todos nós!

Compartilho abaixo suas palavras e em seguida farei uma breve reflexão sobre elas.

******************

Muitas vezes, entendemos que ser a gente mesmo nas relações é dizer: “Sou assim como sou, dane-se, goste de mim quem quiser, não me interessa a opinião de ninguém.”

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

Educação mandou lembranças

Por Simone Oliveira

O título do texto sugere uma piada bobinha que crianças, geralmente, falam ao se confrontarem com situações de grosseria e indelicadeza por parte de terceiros.

Gostaria de falar sobre a comunicação em tempos de internet.

É verdade que a grande parte de nossas interações atualmente é online, se não a maioria delas! Fazemos tudo pela rede, e, mais do que nunca isso tem se revelado um problema de proporções astronômicas, de difícil resolução.

Continuar lendo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized

5 dicas para melhorar os relacionamentos em grupo

Por Simone Oliveira

O ser humano, quando em grupo, vai gerar brigas.

Brigas no trabalho

Isso é um fato. Não há o que se discutir. Estando em dois ou mais, uma hora vai rolar desentendimento.

E por quê? Bem, parece que o grande motivo é: somos diferentes.

Pessoas são diferentes

E nós somos mesmo autênticos, cada qual tem um conjunto completamente único de pensamentos e opiniões a respeito de cada minúscula coisa nesse universo.

Olhando por esse lado, não somos de fato maravilhosos? Fomos criados ANÁLOGOS, porém, não idênticos. Se fossemos totalmente iguais, seríamos robôs.

Nascemos com a capacidade de deduzir e induzir pensamentos de forma que cheguemos a compreensões díspares de nossos semelhantes, ainda que criados na mesma casa, participando das mesmas experiências de vida, comendo a mesma comida e compartilhando dos mesmos momentos!

Continuar lendo

3 Comentários

Arquivado em Uncategorized

Sempre decida pelo desconhecido

Por Isaias Costa

pos-psicomotricidade

Eu sou fã de carteirinha do místico oriental Osho e sempre aprendo coisas novas com a leitura de seus livros e textos soltos pela internet.

Um pequeno texto me fez refletir bastante sobre a importância de sermos mais OUSADOS e CRIATIVOS, pois a vida é muito passageira para perdermos tempo fazendo sempre as mesmas coisas e sempre do mesmo jeito! Segue abaixo suas sábias palavras…

*******************

Somente o desconhecido deve ter uma atração para você porque você ainda não o viveu; você ainda não andou por esse território. Mova-se! Algo de novo pode acontecer por lá. 
Sempre decida pelo desconhecido, seja qual for o risco e você irá crescer continuamente.

Mas continue decidindo pelo conhecido e você fica se movendo repetidamente num círculo com o passado. Você prossegue repetindo-o; você se torna como um gravador gramofone. 
E decida. Quanto mais cedo você o fizer, melhor. Adiamento é simplesmente estupidez.

Amanhã você terá que decidir também, então porque não hoje? E você pensa que amanhã você será mais sábio do que hoje? Você acha que amanhã você estará mais vivo que hoje? Você acha que amanhã você estará mais jovem que hoje, mais renovado que hoje? 

=> Clique aqui para ler o texto completo

Deixe um comentário

Arquivado em Uncategorized